Ex-desafiante a cinturão vence no UFC Las Vegas 73 e se afasta de fase desesperadora na organização

Karolina Kowalkiewicz, que chegou a acumular sete derrotas em 10 lutas, passa por Vanessa Demopoulos na decisão dos juízes

Karolina Kowalkiewicz (esq.) derrotou Vanessa Demopoulos (dir.) no UFC Las Vegas 73. Foto: Reprodução/Instagram

Desafiante ao cinturão do peso palha (até 52,1kg.) do Ultimate em 2016, Karolina Kowalkiewicz teve performance dominante e se afastou de vez de uma fase desesperadora na organização. Adversária de Vanessa Demopoulos no UFC Las Vegas 73, realizado neste sábado (20), a veterana anulou o jiu-jitsu de excelência da adversária e confirmou o bom momento. Ao fim de três rounds, a polonesa foi declarada vencedora na decisão unânime dos juízes.

Antigo destaque dos palhas, Kowalkiewicz chegou a acumular sete derrotas em 10 apresentações no Ultimate. Com a vitória no fim de semana, no entanto, a combatente chega a três triunfos seguidos e dá adeus ao mau momento.

PUBLICIDADE:

Anulada por Karolina, Vanessa tem o que lamentar. Além de não bater o peso na véspera do evento, a lutadora teve encerrada uma sequência de três vitórias.

Venceu a experiência

O confronto começou com Demopoulos tomando a iniciativa com uma sequência de chutes baixos. Kowalkiewicz respondeu com combinação de cruzados, que abalavam a adversária. Com quase dois minutos passados, as atletas partiram para a trocação franca. Karlonina acusou um ataque da oponente, mas seguia caminhando na direção da rival. Perto do minuto final, Kowalkiewicz seguia agressiva e agredia a adversária com diretos e cruzados. Demopoulos apresentava dificuldades em encontrar a melhor distância e lançava ataques no vazio. Nos segundos finais, as atletas se estudaram no centro do octógono, até que o round acabou.

PUBLICIDADE:

No segundo assalto, Karolina atacou primeiro, com um chute baixo seguido de um direto. A veterana seguia pontuando e combinava jabs, diretos e cruzados, que tocavam o rosto da oponente. Kowalkiewicz surpreendia a adversária com sua velocidade e confundia a rival. Com dois minutos passados, Demopoulos aplicou uma cotovelada, mas Karolina não acusou o ataque. O round acabou com as atletas se testando na trocação franca, mas não havia mais tempo.

O último round começou com Demopoulos puxando a adversária para a guarda logo nos segundos iniciais. Por baixo, Vanessa tentava encontrar brechas para uma finalização, mas Kowalkiewicz se defendia bem. Karolina travava reverteu a situação e passou a agredir no ground and pound. Com dois minutos passados, Demopoulos arriscou uma chave de calcanhar, mas Karolina se protegeu e conseguiu ficar de pé. Os segundos finais tiveram vantagem de Vanessa, que atacava com sequências contundentes. O round acabou novamente com trocação franca entre as lutadoras.

PUBLICIDADE:

Russo brutaliza promessa chinesa

Viacheslav Borshchev em ação no UFC Las Vegas 73. Foto: Divulgação/UFC

Pressionado por uma vitória, Viacheslav Borshchev deu um verdadeiro show no octógono. Escalado para a luta que encerrou o card preliminar, o russo não tomou conhecimento da promessa chinesa Maheshate Hayisaer. Afiado na trocação, o combatente chegou ao triunfo com um nocaute brutal no segundo round.

Com o resultado positivo, Borshchev encerra uma sequência de duas derrotas. Agora, o combatente soma dois triunfos em quatro compromissos no Ultimate.

PUBLICIDADE:

Aposta para o futuro do MMA chinês, Hayisaer acabou vítima da força bruta do adversário. A derrota para Viacheslav marca o segundo tropeço do lutador em três apresentações na empresa.

Gilbert Urbina dá show e brutaliza rival

Gilbert Urbina (dir.) derrotou Orion Cosce (esq.). no UFC Las Vegas 73. Foto: Reprodução/Instagram

Depois de perder em sua estreia no UFC, Gilbert Urbina mostrou a que veio. Representante dos meio-médios (até 77,1kg.), o lutador teve apresentação avassaladora no confronto contra Orion Cosce. Após lesionar a costela do adversário no fim do primeiro round, o lutador se aproveitou da condição do adversário para liquidar a fatura na segunda etapa via nocaute técnico.

Com o resultado, Urbina tem o que celebrar. O combatente soma o primeiro triunfo com as luvas do Ultimate.

Anulado no embate, Orion teve o sinal de alerta ligado. O lutador, agora, acumula dois tropeços em três compromissos.

Estatísticas do UFC Las Vegas 73

Resultados do UFC Las Vegas 73

CARD PRINCIPAL

Peso palha (até 52,1kg): Mackenzie Dern derrotou Angela Hill na decisão unânime dos juízes (49-43, 49-44, 49-44)

Peso médio (até 83,9kg): Anthony Hernandez derrotou Edmen Shahbazyan por nocaute técnico a 1m01s do R3

Peso casado (até 54,4kg): Lupita Godinez derrotou Emily Ducote na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 29-28)

Peso meio-médio (até 77,1kg.): Joaquin Buckley derrotou André Fialho por nocaute a 4m15s do R2

Peso leve (até 70,3kg): Carlos Diego Ferreira derrotou Michael Johnson por nocaute a 1m50s do R2

CARD PRELIMINAR

Peso leve (até 70,3kg): Viacheslav Borshchev derrotou Maheshate Hayisaer por nocaute técnico a 2m37s do R2

Peso palha (até 52,1kg): Karolina Kowalkiewicz derrotou Vanessa Demopoulos na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso meio-médio (até 77,1kg): Gilbert Urbina derrotou Orion Cosce por nocaute técnico a 2m55 do R2

Peso pesado (até 70,3kg): Rodrigo Zé Colmeia derrotou Ilir Latifi  na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso leve (até 70,3kg): Chase Hooper derrotou Nick Fiore na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-27, 30-27)

Peso mosca (até 56,7kg): Natália Silva derrotou Victoria Leonardo por nocaute técnico (chute) aos 2m58s do R1

Peso meio-médio (até 77,1kg): Themba Gorimbo derrotou Takashi Sato na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Leia Mais sobre: , , , , , ,


Resultados do UFC 300 Resultados do UFC Las Vegas 90 Resultados do UFC Atlantic City Resultados do UFC Las Vegas 89 Resultados do UFC Las Vegas 88