Chael Sonnen não mede palavras e faz duras críticas a Tyson Fury por aceitar luta contra Francis Ngannou

Comentarista do UFC se referiu ao campeão mundial de boxe como 'babaca' e 'valentão' por aceitar duelo contra o camaronês na nobre arte

Francis Ngannou e Tyson Fury se enfrentam em outubro (Foto: Montagem/SUPER LUTAS)

Na contramão de tantos que celebraram Francis Ngannou, Chael Sonnen não gostou nada da confirmação da luta entre o ex-campeão peso pesado (até 120,2kg) do UFC e o campeão mundial de boxe Tyson Fury na nobre arte.

Em entrevista ao ‘The Schmo’, o ex-lutador e atual comentarista do UFC comparou o embate entre Ngannou e Fury a um possível confronto entre times de elite do basquete e do futebol americano sob as regras da NFL.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Jake Paul tem nova luta marcada para dezembro. (Foto: Instagram)

“É a competição esportiva mais ridícula da nossa geração. Deixa eu te dar um exemplo. Pegue o Los Angeles Lakers da época que tinha nomes como Shaq (O’Neal) e Kobe Bryant, que descanse em paz. Lembra quando eles eram muito bons? E você coloca Phil Jackson como treinador deles. Pegue eles e coloque contra Tom Brady e os Patriots. Você tem dois grandes times, mas eles vão competir nas regras do futebol americano. Você vê quão estúpido é isso? Entende por que nunca aconteceu ou sequer foi discutido? É isso que está acontecendo aqui”, comparou Sonnen.

E ele não parou por aí. Não satisfeito em criticar a luta como um todo, Chael Sonnen disparou críticas pessoais a Tyson Fury, chamando o britânico de ‘babaca’ e ‘valentão’ por ter aceitado enfrentar Ngannou.

PUBLICIDADE:

“Que tipo de babaca é Tyson Fury? Eu preciso falar para vocês: Fury partiu meu coração. Eu gostava do cara e do entretenimento. Gostava de muitas coisas sobre ele. Você pega um cara como Fury, que Deus fez enorme, deu grandes treinadores, parceiros de treino, grandes experiências também. Ele tem armas e ferramentas com as quais outros homens não conseguem lidar se não estiverem armados. E ele escolhe usar isso para bater em um cara que tem pelo menos 37 anos, sem experiência e com apenas uma perna? Isso é um valentão e um babaca. Eu nunca faria isso com ninguém. Jesse James fez muito dinheiro e assassinos de aluguel ganham muito dinheiro também. Existem coisas que você pode fazer, mas precisa lidar com isso. Você é um valentão e um babaca”, finalizou.

Com ou sem o aval de Chael Sonnen, Francis Ngannou e Tyson Fury se enfrentam no dia 28 de outubro, em Riad, na Arábia Saudita.

PUBLICIDADE:

Charles do Bronx em risco após show de Tsarukyan no UFC Austin?

Leia Mais sobre: , , ,


Brasileiros em ação no UFC Las Vegas 83 Resultados do UFC Austin Resultados das Finais – PFL Resultados do UFC Las Vegas 82 Principais resultados do Bellator 301