UFC FN 45: Lucas Mineiro leva bônus por performance e Lineker fatura ‘Luta da noite’

Cowboy Donald Cerrone também foi premiado e faturou seu quarto bônus consecutivo no Ultimate

L. Mineiro (esq.) e J. Lineker (dir.) faturaram dois dos bônus da noite no UFC FN 45. Foto: Produção SUPER LUTAS (UFC/Divulgação)

L. Mineiro (esq.) e J. Lineker (dir.) faturaram dois dos bônus da noite no UFC FN 45. Foto: Produção SUPER LUTAS (UFC/Divulgação)

Com sete atletas no card e cinco vitória conquistadas na noite, o Brasil dominou também as premiações do UFC Fight Night 45, realizado nesta quarta-feira (16) em Atlantic City (EUA). Pelo desempenho diante de Alex White, Lucas Mineiro faturou um dos bônus de “Performance da noite”. Já o combate entre John Lineker e o turco Alptekin Özkiliç, vencida pelo brasileiro por nocaute a apenas nove segundos do fim, foi considerada a “Luta da noite”. Com isso, cada um leva pra casa US$ 50 mil (cerca de R$ 110 mil).

Além dos brasileiros e do turco, o norte-americano Donald Cerrone, que nocauteou Jim Miller com um chute alto na luta principal da noite, faturou o outro bônus de performance do evento. Com isso, Cerrone chega a sua quarta vitória consecutiva e pela quarta vez ganhando um dos prêmios oferecidos pelo Ultimate. Vale lembrar que recentemente o “Cowboy” declarou que estava bastante endividado e que por isso queria lutar o máximo de vezes possível em 2014 para reequilibrar suas finanças.

Confira abaixo todos os resultados do UFC Fight Night 45:

CARD PRINCIPAL

Donald Cerrone derrotou Jim Miller por nocaute no R2;

Edson Barboza derrotou Evan Dunham por nocaute técnico no R1;

Rick Story derrotou Leonardo Macarrão por finalização no R2;

Joe Proctor derrotou Justin Salas por nocaute técnico no R2;

John Lineker derrotou Alptekin Ozkilic por nocaute técnico no R3;

Lucas Mineiro derrotou Alex White por nocaute no R3.

CARD PRELIMINAR 

Gleison Tibau derrotou Pat Healy na decisão unânime dos juízes;

Leslie Smith derrotou Jessamyn Duke por nocaute técnico no R1;

Aljamain Sterling derrotou Hugo Wolverine por nocaute técnico no R3;

Yosdenis Cedeño derrotou Jerrod Sanders por nocaute técnico (desistência) ao fim do R1;

Cláudia Gadelha derrotou Tina Lahdemaki na decisão unânime dos juízes.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments