Banido para sempre após sua prisão, Thiago Silva é recontratado pelo UFC

Dana White disse que brasileiro nunca mais lutaria na organização, mas voltou atrás depois do arquivamento de seus processos

T. Silva (foto) está de volta ao UFC após quase sete meses. Foto: Josh Hedges/UFC

T. Silva (foto) está de volta ao UFC após quase sete meses. Foto: Josh Hedges/UFC

Até que a eternidade não pareceu tão longa assim. Pelo menos no caso de Thiago Silva e o Ultimate, a medida do infindável durou exatos 212 dias. No dia 7 de fevereiro, após sua prisão nos Estados Unidos, o brasileiro foi demitido pela principal organização de MMA do planeta e ouviu do presidente Dana White que “nunca mais lutaria no UFC”. Nesta sexta-feira (05), no entanto, Thiago anunciou que está de volta ao octógono, após ter todas as queixas contra ele retiradas.

O anúncio do retorno de Thiago ao Ultimate foi feito pela equipe do lutador, a Blackzilians, por meio de seu perfil nas redes sociais. “Estamos orgulhosos de anunciar que Thiago Silva está oficialmente de volta ao UFC. Agradecemos de coração ao UFC e esperamos vê-lo lutando novamente em janeiro”, divulgou a academia.

Em fevereiro, Thiago Silva foi preso em Fort Lauderdale, no estado norte-americano da Flórida, após invadir a academia do técnico de jiu-jitsu Pablo Popovitch e ameaçar diversas pessoas com uma arma de fogo, entre elas sua ex-mulher Thaysa Kamiji. A detenção do brasileiro ainda teve momentos de espetacularização, com a transmissão de sua perseguição por uma equipe da SWAT (força tática especial da polícia dos EUA) sendo transmitida em tempo real na TV.

Mesmo solto após pagar fiança, Thiago respondia por ataque grave com arma de fogo, resistência à prisão e duas acusações de agressão grave até esta quinta-feira (04). Na data, a procuradoria do condado de Broward decidiu por arquivar o caso. Segundo o site norte-americano “TMZ”, a decisão teria sido motivada pela falta de cooperação de Thaysa com as investigações, sendo que o tribunal considerou que era provável que a ex-esposa tenha se mudado para fora dos Estados Unidos.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments