Lucas Almeida tem atuação apagada e é nocauteado por Andre Fili no card preliminar do UFC 296

O lutador brasileiro não teve uma boa noite, sucumbiu diante da trocação afiada do norte-americano e foi nocauteado ainda no primeiro round

Andre-Fili-Lucas-Almeida-UFC-296-Twitter-UFC-News

A. Fili derrotou L. Almeida no card preliminar do UFC 296 (Foto: Twitter/@ufcnews)

Primeiro brasileiro a subir no octógono da T-Mobile Arena para o UFC 296, o peso pena (até 65,7kg) Lucas Almeida não terá boas recordações do evento desse sábado (16). O lutador brasileiro não foi páreo para o ímpeto e a boa trocação do norte-americano Andre Fili e foi brutalmente nocauteado ainda no primeiro round. O show foi realizado em Las Vegas (EUA).

Com o nocaute sobre Lucas, Andre se recupera da derrota sofrida em sua última luta e consegue um respiro em meio ao momento delicado que vive na carreira. O norte-americano agora possui um cartel no MMA de 23 triunfos e 10 derrotas.

PUBLICIDADE:

Por outro lado, Lucas Almeida sofre sua segunda derrota em três lutas no Ultimate e agora ostenta um retrospecto de 14 vitórias e 3 derrotas como profissional do esporte.

Veja Também

Siga os resultados do UFC 296 AO VIVO e em TEMPO REAL. Foto: Reprodução / Twitter / T-Mobile Arena

Os primeiros segundos do duelo foram de muito estudo e poucas trocas de chutes baixos. Lucas tentava encurtar e se mostrava meticuloso para atacar, aparentemente, para não correr o risco de desperdiçar golpes. Numa troca curta de golpes, Lucas tentou um cruzado mas deixou uma brecha que Fli aproveitou e emendou um contragolpe de direita que levou o brasileiro à knockdown. O norte-americano aproveitou o momento delicado e castigou Lucas com socos e cotoveladas até a interrupção do árbitro central.

PUBLICIDADE:

Shamil Gaziev atropela Martin Buday e estreia com o pé direito na organização

S. Gaziev bateu M. Buday na abertura do card preliminar (Foto: Twitter/@ufcnews)

Com o soar do primeiro gongo da noite, Buday buscou encurtar desde o primeiro segundo mas Gaziev mostrava boa trocação e não deixava o seu rival se aproximar sem ser golpeado com uma boa sequência. Percebendo que tava tomando atraso na trocação, Buday tentou grudar e travar o confronto, mas Shamil rapidamente saiu e voltou a dominar o round na trocação da média pra curta distância.

PUBLICIDADE:

Gaziev seguia aplicando uma surra em Buday mostrando uma trocação de altíssimo nível e após acertar uma sequência de golpes, o árbitro interrompeu o duelo para que Buday fosse examinado pelo médico, que julgou o eslovaco apto a retornar pro combate. Na volta, Buday tentou entrar nas pernas de Gaziev e errou a entrada, caindo por baixo e sofrendo com o ground and pound e os golpes de Gaziev até o primeiro soar do gongo.

Martin Buday retornou para o segundo round, mas parecia estar em outro planeta. Ainda sofrendo com os golpes acumulados no primeiro round, o eslovaco não resistiu a outra sequência de socos e cotoveladas e o árbitro interrompeu o confronto, decretando a vitória de Shamil Gaziev.

Tagir Ulanbekov domina Cody Durden e finaliza rival no segundo round

T. Ulanbekov comemora vitória no UFC (Foto: Instagram/@ufc)

PUBLICIDADE:

 

Ulanbekov começou o confronto usando os chutes baixos e Durden devolvia os ataques na mesma moeda. Com pouco mais de um minuto, Durden tentou encurtar e recebeu um direto de encontro, que o levou à knockdown. Ulanbekov tentou aproveitar o momento para encaixar uma guilhotina, mas o norte-americano escapou temporariamente. Cody acertou dois golpes limpos no rosto do russo, porém, o companheiro de treinos de Islam Makhachev pareceu não sentir os golpes.

Ulanbekov grudou em Durden e conseguiu uma queda faltando pouco mais de um minuto para o fim do primeiro round. O russo tentou a montada para alcançar o ground and pound, mas Cody fazia boa defesa, até então. No minuto final, Ulanbekov mostrou talento, foi com calma e paciência até as costas, conseguiu encaixar o mata-leão mas Cody resistiu bravamente e o gongo soou decretando o fim do primeiro round.

No início do segundo round, Ulanbekov não perdeu tempo e rapidamente entrou nas pernas de Durden, buscando a queda. Com o tradicional jogo do Daguestão, o russo fazia transição com calma e paciência buscando o pescoço do norte-americano que tentava sobreviver. Apesar do domínio na posição, Ulanbekov encontrava dificuldades em concluir a finalização e o jogo mais ‘travado’ arrancou algumas vaias do público presente na arena em Las Vegas.

No minuto final, Ulanbekov encaixou novamente a finalização, puxou o seu rival para o solo e forçou Durden a, finalmente, bater em desistência. Fim de luta. Vitória de Tangir Ulanbekov.

Os salários milionários de Bambam e Popó + Vitor Belfort esnobado

Leia Mais sobre: , , , , , , ,


Resultados do Fight Music Show 4 Resultados do PFL x Bellator Resultados do UFC 298 Resultados do UFC Las Vegas 86 Resultados do UFC 297