Ex-UFC Jake Shields estreia com vitória rápida no WSOF e já pede cinturão

Ex-campeão do Strikeforce venceu Ryan Ford no WSOF 14, que marcou a disputa do primeiro título peso pesado da organização

J. Shields (foto) estreou com vitória no WSOF. Foto: Josh Hedges/UFC

J. Shields (foto) estreou com vitória no WSOF. Foto: Josh Hedges/UFC

Cada vez mais um refúgio para atletas que deixaram o Ultimate, o World Series of Fighting viu no último fim de semana a estreia de mais um ex-atleta do UFC. Na luta principal do WSOF 14, o norte-americano Jake Shields venceu o canadense Ryan Ford por finalização em pouco mais de quatro minutos e já pediu uma disputa de cinturão na categoria meio-médio em entrevista concedida ainda no cage.

Apesar do triunfo aos 4m29s do primeiro assalto, Shields passou por momentos complicados na reta inicial do combate em Edmonton (Canadá). Logo nos primeiros momentos da luta, o norte-americano sofreu um duro knockdown do adversário, mas conseguiu reverter o cenário, levar a luta para o solo e conseguir encaixar um mata-leão que pôs fim ao combate, e garantir sua décima primeira finalização na carreira.

Caso o desejo de Shields seja atendido e ele seja o próximo a lutar pelo título da divisão até 77 kg do WSOF, o ex-campeão do extinto Strikeforce terá pela frente outro veterano do UFC, já que o cinturão será posto em jogo no próximo dia 13 de dezembro, quando Rousimar Toquinho e Jon Fitch, ambos com passagem pelo octógono, duelam no WSOF 16.

Smealinho Rama fatura cinturão inaugural dos pesados

Além da estreia de Shields, o WSOF 14 marcou também a primeira disputa do cinturão dos pesados na organização presidida por Ray Sefo. Lutando em casa, o canadense Smealinho Rama conseguiu um nocaute relâmpago, em apenas 51 segundos, sobre o norte-americano Derrick Mehmen e faturou o título da divisão até 120 kg.

Confira abaixo todos os resultados do WSOF 14:

Jake Shields venceu Ryan Ford por finalização (mata-leão) no R1;

Smealinho Rama venceu Derrick Mehmen por TKO no R1;

Chris Horodecki venceu Luis Huete por decisão unânime dos juízes;

Jared Hamman venceu Luke Harris por TKO no R1;

Tim Hague venceu Craig Hudson por TKO no R3;

Hakeem Dawodu venceu Mike Malott por TKO no R1;

Matt Baker venceu Cody Krahn por finalização (chave de braço) no R1;

Roger Alves venceu David Swanson por decisão unânime dos juízes.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments