Em retorno oficial, Anderson Silva brinca: ‘Agora só chuto da cintura pra cima’

Spider concedeu entrevista coletiva nesta terça-feira (14), como pontapé inicial de seu retorno ao octógono

A. Silva (foto) falou aos fãs e jornalistas no Rio de Janeiro. Foto: Reprodução/YouTube

A. Silva (foto) falou aos fãs e jornalistas no Rio de Janeiro. Foto: Reprodução/YouTube

Quase dez meses após fraturar a perna esquerda na revanche contra Chris Weidman, Anderson Silva está oficialmente de volta ao UFC. Para o retorno do Spider, a organização promoveu uma entrevista coletiva no Rio de Janeiro (RJ) transmitida por seu canal oficial no YouTube para todo o planeta. Habitualmente avesso a esse tipo de evento, Anderson se mostrou bem mais descontraído durante a sessão de perguntas e chegou inclusive a brincar com a lesão sofrida que o afastou do octógono.

“A perna está legal. Até o Dr. Tannure (médico pessoal e do UFC) brinca comigo: ‘Você pode chutar, que essa perna não quebra mais’. Mas, na dúvida, vou chutar da cintura pra cima. Assim não tenho problemas. Eu acho que não vou levar vantagem (por ter uma placa metálica da região), eu estou treinando muito e agora estou com menos pressão, aquilo de ter ficado sete anos vencendo. Então eu acho que a luta com o Nick Diaz vai ser uma luta boa”, garantiu o Spider.

Além disso, Anderson falou também sobre sua condição atual e se acredita que terá confiança o suficiente para voltar a chutar. “Os treinos estão legais, porque eu estou conseguindo executar os momentos que fazia no começo. Logo depois que eu tive a lesão e que me recuperei, eu não estava tendo força porque perdi força, mas estou recuperado. Já estou fazendo um trabalho especifico para recuperar a força na perna e a cada dia que passa eu estou voltando na minha origem, de poder chutar sem medo. Então, eu acredito que vou estar 100% no dia da luta”, avaliou.

Por fim, o ex-campeão dos médios também anunciou a inclusão do lendário faixa preta de jiu-jitsu Ricardo de la Riva em sua equipe de preparação. “A gente trouxe o mestre De La Riva, porque toda vez que eu vou lutar, eu acabo caindo por baixo e não me sinto seguro por baixo. Então, temos o maior lutador de todos os tempos do jiu-jitsu na guarda aqui do meu lado. Eu tive a humildade de pedir que ele viesse fazer parte do meu time”, revelou.

Aos 39 anos, Anderson Silva tem um cartel profissional de 33 vitórias e seis derrotas. Campeão dos pesos médios entre 2006 e 2013, Anderson não luta desde 28 de dezembro do ano passado, quando acabou derrotado por Chris Weidman na revanche pelo título – quando fraturou a perna esquerda. Recuperado, o Spider volta ao octógono no dia 31 de janeiro de 2015, quando enfrenta Nick Diaz na luta principal do UFC 183.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments