Claudio Ribeiro é nocauteado por Christian Leroy Duncan no UFC Las Vegas 87 e fica em situação delicada

Nocauteado no card preliminar do evento, Claudio Ribeiro amargou terceira derrota em quatro lutas no UFC

Christian Leroy Duncan Claudio Ribeiro UFC Las Vegas 87 Twitter UFC News

Christian Leroy Duncan nocauteou Claudio Ribeiro no UFC Las Vegas 87 (Foto: Twitter/UFC News)

O UFC Las Vegas 87 começou mal para os brasileiros. Primeiro representante do país em ação no card preliminar, Claudio Ribeiro acabou nocauteado por Christian Leroy Duncan em duelo válido pelo peso médio (até 83,9 kg). O britânico fez valer a vantagem de força e envergadura, não permitiu que o paulista encontrasse a distância e conseguiu o nocaute com ground and pound brutal no segundo assalto.

Com o resultado naquela que era a última luta de seu contrato, Claudio Ribeiro se vê em situação complicada na organização. O brasileiro amargou a segunda derrota seguida e a terceira em quatro lutas no UFC.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Do outro lado, Christian Leroy Duncan emplaca a segunda vitória seguida e soma três triunfos em quatro combates.

Claudio Ribeiro não encontra distância e acaba nocauteado no segundo round

Bem mais alto, Christian Leroy Duncan começou tomando controle do centro do octógono e chutando baixo. Claudio Ribeiro soltou jab e direto e não acertou, mas forçou o britânico a andar para trás. Duncan soltou uma dura cotovelada giratória, mas o golpe parou na guarda do brasileiro. Com a guarda bem fechada, Claudio tentava encurtar a distância, mas Duncan deixou um bom chute giratório na linha de cintura. O britânico chutou alto e o golpe explodiu na guarda de Claudio. O brasileiro foi à caça, mas não encontrou a distância. Duncan encurralou Claudio contra a grade e trabalhou cotoveladas curtas. O brasileiro aproveitou um desequilíbrio do britânico e quebrou a distância, colocando Duncan contra a grade. Os dois passaram a trocar força e posições na grade até o fim do round.

PUBLICIDADE:

No segundo round, Claudio Ribeiro usou um direto e um cruzado para se aproximar de Duncan e colocar o britânico de costas na grade. Na sequência, o britânico ensaiou uma joelhada voadora, o golpe passou no vazio, mas serviu para colocar Claudio contra a grade. O britânico mudou o nível, entrou no double leg e conseguiu uma queda. De guarda passada, Duncan deixou duríssimas cotoveladas de cima para baixo. O brasileiro virou de costas, mas continuou alvo dos duros golpes do britânico, até a interrupção do árbitro.

Ludovit Klein confirma favoritismo contra A.J. Cunningham e consegue nocaute no primeiro round

Ludovit Klein em vitória no UFC Las Vegas 87 (Foto: Twitter/UFC News)

PUBLICIDADE:

Na segunda luta do UFC Las Vegas 87, válida pelo peso leve (até 70,3 kg), Ludovit Klein mostrou que não era o maior favorito do evento nas casas de apostas à toa. O eslovaco não tomou conhecimento do estreante A.J. Cunningham e nocauteou o norte-americano ainda no primeiro assalto com uma sequência brutal de golpes encerrada com um chute frontal na linha de cintura.

Com o resultado, Ludovit Klein soma cinco lutas de invencibilidade, com quatro vitórias e um empate. O eslovaco não é derrotado desde outubro de 2021.

Do outro lado, A.J. Cunningham inicia sua trajetória no Ultimate com derrota. O norte-americano tem agora um cartel profissional de 11 vitórias e quatro reveses.

PUBLICIDADE:

Loik Radzhabov nocauteia Al-Selwady no terceiro round e espanta má fase

Loik Radzhabov nocauteou Al-Selwadi no UFC Las Vegas 87 (Foto: Instagram/UFCEurasia)

O primeiro round começou com Al-Selwady buscando a luta agarrada, enquanto Radhzabov tentava trocar da média pra curta distância, trabalhando bem as combinações. Entretanto, já na metade dos rounds, os papéis se inverteram e Radhzabov acertou um golpe que mesmo sem muito peso fez Al-Selwady tropeçar e ir à knockdown. Radhzabov castigou o seu rival com socos e cotoveladas de uma forma tão intensa que quase forçou uma interrupção precipitada do árbitro. Nos segundos finais, Al-Selwady aplicou um flashdown que fez Radhzabov dobrar as pernas e ser salvo pelo gongo de uma pressão maior.

A segunda parcial começou com Al-Selwady buscando a luta agarrada, mas Radzhabov rapidamente se afastou após poucos segundos. Radhzabov buscava encurtar a distância para voltar a usar trocação, mas o seu rival aproveitava bem as brechas deixadas e por duas vezes assustou nos contragolpes. No minuto final, Al-Selwady entrou nas pernas de Radzhabov e quedou o seu rival, travando o confronto na meia guarda. Nos segundos finais, os dois atletas ensaiaram uma trocação franca até o soar do gongo.

Com poucos segundos da terceira parcial, os dois atletas tentara botar o duelo pra baixo mas mostraram alto nível de cansaço e não conseguiram manter a posição. Poucos tempo depois, Radhzabov acertou um cruzado de direita que levou Al-Selwady à knockdown. Radhzabov seguiu golpeando o seu rival caído no solo e após uma espantosa demora, o árbitro interrompou o confronto e decretou a vitória por nocaute de Radzhabov.

FOGO NO PARQUINHO! Lenda do UFC critica Poatan e questiona status de campeão: ‘Difícil apoiar’

Leia Mais sobre: , , , , , , ,


Resultados do UFC 300 Resultados do UFC Las Vegas 90 Resultados do UFC Atlantic City Resultados do UFC Las Vegas 89 Resultados do UFC Las Vegas 88