Lyoto Machida aposta em vitória de Jon Jones sobre Daniel Cormier em janeiro

Ex-dono do cinturão dos meio-pesados considera que envergadura maior do campeão fará a diferença no combate

Jones e Machida se enfrentaram em 2011, com vitória do norte-americano. Foto: Nick Laham/Zuffa LLC

Jones e Machida se enfrentaram em 2011, com vitória do norte-americano. Foto: Nick Laham/Zuffa LLC

Atacando de comentarista, Lyoto Machida fez mais uma previsão para uma importante luta que irá acontecer no UFC nos próximos meses. Depois de dar seus palpites para Chris Weidman x Vitor Belfort, o ex-campeão dos meio-pesados analisou o combate entre Jon Jones e Daniel Cormier, que valerá o cinturão da divisão até 93 kg no início do ano que vem.

Conhecendo de perto o jogo do campeão, já que foi derrotado por ele em 2011, Lyoto acredita que Jones irá conseguir mais uma defesa bem sucedida contra o invicto Cormier. “Eu acho que Jones mantém o cinturão. Cormier é um ótimo lutador, mas o casamento da luta não é muito favorável a ele, com a questão da envergadura. Cormier tem um wrestling bastante sólido, mas, se você olhar o cenário como um todo do ponto de vista técnico, não o vejo vencendo”, palpitou, em entrevista ao site norte-americano “Sherdog”.

Contudo, Machida vê uma situação inusitada na divisão dos meio-pesados, ja que acredita que os três principais nomes da categoria (Jones, Cormier e Alexander Gustafsson) podem se revezar na hegemonia do peso. “Acredito que Gustafsson, que é mais alto e tem envergadura maior, poderá dificultar bastante a vida de Jones. Mas aí eu vejo Cormier como um casamento ruim para Gustafsson. É tudo uma questão de casamento de estilos”, disse.

O duelo entre Jones e Cormier será a atração principal do UFC 182, que será realizado no dia 3 de janeiro em Las Vegas (EUA). Machida volta ao octógono pouco antes, no dia 20 de dezembro, contra CB Dollaway no UFC Barueri.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments