Islam Makhachev explica por que aceitou enfrentar Dustin Poirier ‘mesmo que ele não mereça’

Campeão dos leves, Makhachev afirmou que aceitou o 'Diamante' como desafiante pelo fato de outros rivais estarem indisponíveis

islam-makhachev

Islam Makhachev em coletiva de imprensa no UFC. Foto: Reprodução/YouTube UFC

O ‘timing’ da vitória por nocaute sobre Benoit Saint-Denis na luta co-principal do UFC 299, no último sábado (9), parece ter sido determinando para que Dustin Poirier possa ‘furar a fila’ de Justin Gaethje e Charles do Bronx e se tornar o próximo desafiante ao cinturão de Islam Makhachev no peso leve (até 70,3 kg).

Após chegar a um acordo verbal para ter Poirier como próximo desafiante ao título em junho, na Arábia Saudita, Makhachev admitiu, em entrevista ao site norte-americano ‘MMA Junkie’, não considerar o ‘Diamante’ merecedor da disputa, mas sim a única opção disponível para seguir ativo.

PUBLICIDADE:

Veja Também

tai-tuivasa
MIchael Page em estreia no UFC. Foto: Reprodução/Instagram

“Eu sei que Dustin não merece a luta pelo título, mas não temos nenhuma opção no momento. Todo mundo está ocupado. Eu quero lutar três vezes neste ano. Preciso chamar alguém e Poirier está livre. Ele mostrou uma performance excelente e conseguiu um belo nocaute. Ele está livre, está saudável e eu chamei ele para lutar em junho”, disse o campeão.

Principais candidatos à disputa, Charles do Bronx e Justin Gaethje, respectivamente primeiro e segundo colocados no ranking da categoria, entram em ação no histórico UFC 300, que acontece no dia 13 de abril. Makhachev não acredita que nenhum dos dois esteja disponível para retornar ao octógono em cerca de dois meses.

PUBLICIDADE:

“Ninguém mais estará pronto. Talvez alguém esteja, mas preciso lutar. Estou saudável, treinando todos os dias e preciso de alguém. Ele (Poirier) bateu um monte dos caras do topo. É uma lenda. Uma luta com ele vai ser boa para mim, para a história, para tudo. Ele é uma lenda e um oponente duro. Ele tem uma boa guilhotina”, afirmou o russo.

Em relação à famosa guilhotina de Dustin Poirier, Islam Makhachev acredita que ela possa ser o começo do fim para o ex-campeão interino.

PUBLICIDADE:

“Eu vou derrubá-lo, ele vai tentar a guilhotina, eu vou pegar as costas e vou o estrangular. É isso”, finalizou.

FOGO NO PARQUINHO! Lenda do UFC critica Poatan e questiona status de campeão: ‘Difícil apoiar’

Leia Mais sobre: , ,


Resultados do UFC 300 Resultados do UFC Las Vegas 90 Resultados do UFC Atlantic City Resultados do UFC Las Vegas 89 Resultados do UFC Las Vegas 88