Retrospectiva SUPER LUTAS: Relembre as melhores lutas do primeiro semestre no MMA

Primeiros seis meses do ano ficaram marcados por batalhas válidas por títulos e desfechos inesquecíveis

Paulo Borrachinha (dir.) em luta contra Robert Whittaker (esq.): Foto: Reprodução/Instagram

O mês de junho chegou ao fim no último domingo (30) e junto com ele o primeiro semestre de 2024. Os primeiros seis meses do ano presentearam os fãs de MMA com lutas eletrizantes e memoráveis, que levaram os fãs ao delírio. Não só brasileiros, mas norte-americanos, russos, tchecos, australianos, austríacos e franceses fazem parte da história realizada este ano.

Pensando nisso, a equipe do SUPER LUTAS separou as cinco melhores lutas do semestre no MMA.

PUBLICIDADE:

5) Robert Whittaker x Paulo Borrachinha – UFC 298

borrachinha-whittaker

Robert Whittaker em luta contra Paulo Borrachinha. Foto: Reprodução/Instagram

Escalados para penúltima luta do grande evento realizado na Califórnia (EUA), Robert Whittaker e Paulo Borrachinha não deixaram de alcançar as expectativas dos fãs e entregaram verdadeira batalha no octógono. Com direito a chute rodado, feridas e muita raça, os lutadores se enfrentaram durante 15 minutos em duelo crucial na divisão dos médios (até 83,9kg.).

PUBLICIDADE:

Apesar de quase ter conseguido nocaute espetacular, o brasileiro acabou sendo superado na decisão unânime dos juízes e perdeu oportunidade de se aproximar de eventual disputa pelo título da categoria.

4) Justin Gaethje x Max Holloway – UFC 300

Max Holloway (dir.) desfere golpe em Justin Gaethje (esq.) no UFC 300. Foto: Reprodução/Twitter/UFC_japan

Max Holloway (dir.) desfere golpe em Justin Gaethje (esq.) no UFC 300. Foto: Reprodução/Twitter/UFC_japan

PUBLICIDADE:

Em disputa válida pelo cinturão BMF, Justin Gaethje e Max Holloway fizeram jus ao status de ‘atleta mais durão’ da organização e decidiram trocar golpes em pé do início ao fim do combate. No palco do grandioso UFC 300, os lutadores tiveram desfecho icônico e que marcará gerações: trocação franca no centro do octógono até que o havaiano conseguisse emplacar um nocaute inesperado no último segundo da batalha. Aos 4 minutos e 59 segundos, o ‘Abençoado’ apagou o rival e se tornou o novo campeão do título comemorativo.

Azarão nas casas de apostas, Holloway teve atuação dominante e colocou tudo em risco ao aceitar momento perigoso contra o compatriota. Disposto a dar show, o lutador foi presenteado com vitória e ainda embolsou bônus de ‘Luta da Noite’ junto a Gaethje.

3) Islam Makhachev x Dustin Poirier – UFC 302

Dustin Poirier em disputa de cinturão contra Islam Makhachev (Foto: Reprodução/Instagram)

PUBLICIDADE:

Protagonistas do UFC 302, Islam e Dustin conseguiram transformar confronto de estilos em batalha aplaudida por todos os fãs presentes na Prudential Center Arena, em Nova Jersey (EUA). Preparado para defender muitas quedas aplicadas pelo russo, Poirier teve sucesso em manter a luta de pé e obrigar o campeão a trocar golpes violentos na curta e média distância.

Apesar de toda entrega e dificuldade imposta diante de Makhachev, Poirier acabou sucumbindo ao talento na luta agarrada do campeão e foi finalizado diante dos norte-americanos no quinto round da luta.

2) Dustin Poirier x Benoit Saint-Denis – UFC 299

Dustin Poirier (esq) em Benoit Saint-Denis (dir) em luta no UFC 299. Foto: Reprodução/Instagram

Iluminados pelos holofotes e responsáveis por gerar grande ansiedade na comunidade do MMA antes do confronto, Dustin e Benoit não decepcionaram ao pisarem no octógono. Em duelo de gerações, os lutadores tiveram grandes momentos e se aproximaram do triunfo em alguns momentos.

A raça e força de Poirier, no entano, conseguiram fazer a diferença. Já no segundo assalto, o norte-americano encaixou sequência de socos e nocauteou de forma assustadora o francês, o levando à lona imediatamente. Com o triunfo, o veterano quebrou a banca e encerrou sequência positiva que Saint-Denis vinha trazendo na divisão dos leves.

1) Jiri Prochazka x Aleksandar Rakic – UFC 300

Jiri Prochazka Aleksandar Rakic UFC 300 Twitter UFC News

Jiri Prochazka em vitória no UFC 300. Foto: Reprodução/Twitter @UFCNews

Apesar de não terem sido escalados para o card principal do histórico UFC 300, Jiri e Aleksandar optaram por agradar a todos que assistiam ao evento sem pagar pelo pacote Pay-Per View. Após início apático e dificuldades em lidar com estratégia aplicada pelo rival, Prochazka virou a chave e conseguiu virada triunfal diante de Rakic.

Violento como de costume, o tcheco começou a marchar para frente e instaurar o caos na luta até que conseguisse deixar o adversário sem respostas e assim alcançar o nocaute na T-Mobile Arena. De virada, Prochazka apagou vitória sofrida para Alex Poatan e conseguiu se tornar desafiante ao título após vitória emocionante.

Poatan tem reação surpreendente e rebate Jake Paul sobre luta de boxe

Leia Mais sobre: , , , , , , , , , , , , , , ,


Resultados do UFC Denver Resultados do UFC 303 Resultados do UFC Arábia Saudita Resultados do UFC Las Vegas 93 Resultados do UFC Louisville