'Respeito Ronda, mas acho que sou a melhor do mundo', confia Cat Zingano | SUPER LUTAS

‘Respeito Ronda, mas acho que sou a melhor do mundo’, confia Cat Zingano

Desafiante pelo cinturão do UFC elogia a atual campeã, mas ressalta sua tranquilidade antes do combate

C. Zingano (foto) enfrenta R. Rousey no UFC 184. Foto: Josh Hedges/Zuffa LCC

C. Zingano (foto) enfrenta R. Rousey no UFC 184. Foto: Josh Hedges/Zuffa LCC

Cat Zingano terá uma missão ingrata no próximo sábado (28), na luta principal do UFC 184. A atleta, que busca conquistar o cinturão da divisão galo feminina do UFC, enfrentará a campeã Ronda Rousey, que derrotou todas as adversárias de sua carreira antes mesmo da decisão dos juízes.

Veja Também

Porém, Zingano, que também é invicta no MMA, confia que possui as armas necessárias para destronar a campeã. “Na minha cabeça, acho que sou a melhor do mundo. Tenho respeito por Ronda, porque isso a faria a segunda melhor do mundo”, disse a desafiante, em entrevista coletiva reproduzida pelo site norte-americano “MMA Fighting”.

Zingano elogiou o trabalho feito por Ronda para promover o MMA feminino, mas garantiu que chegou a sua vez de conquistar o título. “Eu me inspirei em seu estilo, no caminho que ela trilhou para que todas nós pudéssemos estar aqui hoje. Me sinto grata por ela, por tudo que ela fez, mas tirando isso, é o meu momento.”

Antes de poder disputar o cinturão, Zingano enfrentou uma trajetória turbulenta em sua vida profissional e pessoal. Em 2013, ela havia garantido o direito de lutar pelo cinturão, mas sofreu uma lesão que a tirou de atividade por um ano e cinco meses. Neste período, ela também enfrentou o falecimento de seu marido, o brasileiro Maurício Zingano, que cometeu suicídio. Apesar de tudo isso, a atleta se vê pronta para lutar pelo título. “Eu nunca estive tão calma. Eu finalmente estou onde deveria estar e estou absorvendo o momento. Mal posso esperar para a luta”, disse.

A luta entre Ronda Rousey e Cat Zingano será a atração principal do UFC 184, que será realizado na cidade de Los Angeles, na Califórnia (EUA). O evento terá a participação de três brasileiros: Gleison Tibau, que enfrenta Tony Ferguson, Dhiego Lima, que encara Tim Means, e Roan Jucão, que luta contra Mark Muñoz.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments