AO VIVO

Siga o UFC Vegas com José Aldo na luta principal. AO VIVO!

UFC 184: Ronda faz duelo de invictas contra Zingano em noite histórica para o MMA feminino

Evento deste sábado (28), em Los Angeles (EUA), será o primeiro da história a contar com mulheres nas lutas principal e co-principal; confira o card completo

Ronda (esq.) e Zingano (dir.) fazem a luta principal do UFC 184. Foto: Josh Hedges/UFC

Ronda (esq.) e Zingano (dir.) fazem a luta principal do UFC 184. Foto: Josh Hedges/UFC

Veja Também

Dois anos depois de fazer história ao se tornar a primeira mulher a pisar no octógono do Ultimate, neste sábado (28), a campeã peso galo Ronda Rousey vai ser novamente protagonista de um importante marco para o MMA feminino. Desta vez, Ronda enfrenta a desafiante Cat Zingano na luta principal do UFC 184, primeiro evento da maior organização do planeta a contar tanto com a luta principal quanto a co-principal estreladas por mulheres.

PUBLICIDADE:

Com dez vitórias em dez lutas como profissional, Ronda bateu oito adversárias por finalização, com sua tradicional chave de braço, e outras duas por nocaute técnico, ambas em suas mais recentes aparições no octógono. Além disso, a loira é uma das mais importantes estrelas do UFC e do MMA, sendo constantemente personagem de reportagens na grande mídia, mesmo a não especializada, ou capas de revistas, programas de TV, desfiles de moda e campanhas publicitárias.

TEMPO REAL: Acompanhe o UFC 184 no SUPER LUTAS AO VIVO

PUBLICIDADE:

Além disso, a realização do UFC 184 em Los Angeles (EUA), remete a um outro aspecto da vida de Ronda, que recentemente iniciou sua carreira como atriz em Hollywood. Em pouco mais de um ano, a loira participou de duas das principais franquias de ação da atualidade, “Velozes e Furiosos” e “Os Mercenários”, e da adaptação para o cinema da série de TV “Entourage”.

Escalada para destronar Ronda Rousey, que já é apontada como uma das campeãs mais dominantes do Ultimate, Cat Zingano tem as credenciais necessárias para ocupar tal posto. A viúva do técnico de jiu-jitsu brasileiro Maurício Zingano também está invicta como profissional e possui bom nível tanto no jogo de quedas ou no chão, como na trocação. A norte-americana vem de vitória sobre a brasileira Amanda Nunes, em setembro do ano passado.

PUBLICIDADE:

Evento co-principal marca aguarda estreia de Holm

PUBLICIDADE:
H. Holm (dir.) esterará no octógono contra R. Pennington (esq.). Foto: Josh Hedges/UFC

H. Holm (dir.) esterará no octógono contra R. Pennington (esq.). Foto: Josh Hedges/UFC

Mas o UFC 184 não é só Rousey x Zingano. Na verdade, se esse será o primeiro evento com quatro mulheres protagonizando as duas lutas principais, isso só será possível graças também à presença de Holly Holm e Raquel Pennington, que fazem o evento co-principal da noite.

O combate marca a tão aguardada estreia de Holly Holm no octógono. A loira, que treina com nomes como o campeão Jon Jones na academia “Jackson and Winkeljohn’s MMA”, foi  contratada para ser uma ameaça ao reinado de Ronda e enfrentaria Pennington no fim do ano passado, mas acabou se lesionando e o duelo foi adiado. Agora, a condecorada pugilista, considerada por muitos como uma das maiores atletas do boxe feminino profissional na história, terá a chance de ampliar seu cartel invicto e, quem sabe, já se aproximar de uma disputa de cinturão.

Sua adversária, Raquel Pennington, é uma veterana do TUF 18, no qual fez parte da equipe de Miesha Tate, rivalizando com o time comandado por Ronda Rousey no reality show. Com um cartel de cinco vitórias e quatro derrotas, Pennington vem de vitória sobre Ashlee Evans-Smith, justamente a substituta de Holm, em dezembro do ano passado.

Contra Ferguson, Tibau dá outro passo em busca de marca histórica

G. Tibau (foto) vai para sua 24ª luta no UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

G. Tibau (foto) vai para sua 25ª luta no UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

Terceiro evento em pay-per-view (da série numerada) no ano, o UFC 184 também conta com quatro representantes brasileiros, são eles: Gleison Tibau, Roan Jucão, Dhiego Lima e Valmir Bidu. Entre o quarteto, o grande destaque fica por conta de Tibau, que aceitou o duelo contra Tony Ferguson de última hora, e busca atingir um recorde histórico no octógono.

Contra Ferguson, o potiguar chegará a 25 lutas no palco mais famoso do MMA mundial e, com isso, alcançará a segunda posição no ranking histórico do quesito, empatado com o ex-campeão dos meio-médios Matt Hughes. Para chegar ao líder Tito Ortiz, no entanto, Tibau ainda precisa fazer pelo menos mais duas lutas, além do duelo no UFC 184. Além disso, o peso leve também defende contra “El Cucuy” uma série invicta que já dura três lutas, a mais recente delas com o triunfo sobre Norman Parke no último dia 18 de janeiro.

Confira abaixo todas as informações do UFC 184:

Data: 28/02/2015.

Local: Staples Center, Los Angeles, Califórnia (EUA).

Horário: A partir das 21h (horário de Brasília).

Transmissão: Canal Combate.

CARD PRINCIPAL

Peso galo (até 61,2 kg): Ronda Rousey x Cat Zingano;

Peso galo (até 61,2 kg): Holly Holm x Raquel Pennington;

Peso meio-médio (até 77,1 kg): Josh Koscheck x Jake Ellenberger;

Peso médio (até 84 kg): Alan Jouban x Richard Walsh;

Peso leve (até 70,3 kg): Tony Ferguson x Gleison Tibau.

CARD PRELIMINAR

Peso médio (até 84 kg): Mark Muñoz x Roan Jucão;

Peso galo (até 61,2 kg): Kid Yamamoto x Roman Salazar;

Peso meio-médio (até 77,1 kg): Dhiego Lima x Tim Means;

Peso pesado (até 120 kg): Derrick Lewis x Ruan Potts;

Peso leve (até 70,3 kg): James Krause x Valmir Bidu;

Peso pena (até 66 kg): Masio Fullen x Alexander Torres;

Peso leve (até 70,3 kg): Jake Lindsey x Joseph Duffy.

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?

Comentários

Deixe um comentário