Nenhum atleta é flagrado no antidoping do UFC FN Rio

Evento aconteceu no último dia 23 de março, no Rio de Janeiro (RJ); todos os 24 atletas escalados passaram por testes

D. Maia (dir.) e R. LaFlare (esq.) fizeram a luta principal do UFC FN Rio. Foto: Buda Mendes/UFC

D. Maia (dir.) e R. LaFlare (esq.) fizeram a luta principal do UFC FN Rio. Foto: Buda Mendes/UFC

O UFC Fight Night 62, realizado no último dia 23 de março no Rio de Janeiro (RJ), foi mais um evento “limpo” na história da maior organização de MMA do planeta

Veja Também

Minotauro enfrenta gigante holandês de 2,13m no UFC 190
Sexto evento do UFC no Brasil em 2013 deve ocorrer em Goiânia
UFC inova e Goiânia terá inédito evento pela manhã
Moicano, Bodão e Besouro são confirmados no UFC Goiânia 2

De acordo com a Comissão Atlética Brasileira de MMA (CABMMA), responsável pela regulamentação do evento, os 24 lutadores que competiram na noite de lutas passaram por testes e não apresentaram traços de substâncias ilegais em seus organismos.

Além disso, outros seis competidores, cujas identidades não foram reveladas, foram escolhidos aleatoriamente para exames detalhados de EPO (Eritropoetina, hormônio de estimula a produção de hemoglobina no sangue e aumenta a oxigenação das células). Os testes também não apresentaram traços da substância.

O UFC Fight Night 62 aconteceu no Ginásio do Maracanãzinho e foi encabeçado pela vitória de Demian Maia sobre o norte-americano Ryan LaFlare. Na luta co-principal da noite, Erick Silva bateu o veterano do TUF 1 Josh Koscheck.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments