Vídeo: lutador do UFC protesta contra Dilma Rousseff na Polônia

Serginho Moraes e sua equipe mandam recado à presidente da república após sua vitória no UFC FN 64

Moraes (esq.), Dida (com o fone) e Gurgel (dir.) protestam contra Dilma. Foto: Reprodução

Moraes (esq.), Dida (com o fone) e Gurgel (dir.) protestam contra Dilma. Foto: Reprodução

No último fim de semana, o lutador Serginho Moraes participou do primeiro evento realizado pelo UFC na Polônia, na cidade de Cracóvia. Mesmo assim, o atleta e sua equipe fizeram questão de participar, à distância, dos protestos contra à presidente Dilma Rousseff, que levaram milhares de pessoas às ruas no último domingo (12).

Veja Também

Cro Cop vinga nocaute sobre Gabriel Napão na estreia do UFC na Polônia
Vitória de Serginho e nocaute fulminante marcam card preliminar do UFC na Polônia

Ao lado de seu treinador de jiu-jitsu, Fábio Gurgel, de seu treinador de muay thai, André Dida, e de um intérprete, Serginho mandou seu recado à presidente. “Galera, estamos aqui na Polônia, no dia 12/04, indo para a rua contra a corrupção no Brasil. Fora, Dilma”, disse Gurgel.

No UFC Fight Night 64, Moraes conquistou sua terceira vitória seguida no octógono, batendo Mickael Lebout na decisão dos juízes. No MMA, seu cartel é de nove vitórias e duas derrotas.

Confira o vídeo:

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments