Cro Cop vinga nocaute sobre Gabriel Napão na estreia do UFC na Polônia

Brasileiro, assim como havia feito na primeira luta entre eles, começou melhor a luta, porém perdeu ímpeto e acabou nocauteado no terceiro round

Cro Cop conseguiu devolver a derrota para a G. Napão. Foto: UFC

Cro Cop conseguiu devolver a derrota para a G. Napão. Foto: UFC

O croata Mirko Cro Cop sofreu, mas conseguiu devolver o nocaute sofrido diante de Gabriel Napão no UFC Fight Night 64, evento realizado na tarde deste sábado (11), na Polônia. Assim como aconteceu no primeiro embate entre eles, o brasileiro começou melhor na luta dominando as ações. Porém, o faixa-preta carioca não conseguiu encerrar a disputa da forma espetacular como fez em 2007 – com um chute alto considerado um dos maiores nocautes da história do Ultimate -, perdeu ímpeto na metade final da luta e acabou nocauteado por terceiro round.

Veja Também

Vitória de Serginho e nocaute fulminante marcam card preliminar do UFC na Polônia
GSP vê José Aldo como o melhor do mundo, mas alerta: ‘McGregor pode cumprir o que fala’
Reeditando parceria, Rafael Cordeiro garante: ‘Vou trazer o antigo Shogun de volta’

A luta

Era difícil de imaginar que Gabriel Napão conseguisse repetir o feito do primeiro embate entre eles, no UFC 70, mas o brasileiro começou com um ritmo basante intenso. O faixa-preta conectou bons socos na luta em pé, derrubou a lenda do Pride e conseguiu avançar com boas posições na luta de solo. Gabriel chegou a montar em Mirko e até tentar encerrar a disputa com uma chave de pé.

No segundo round, Cro Cop tentou devolver o nocaute na mesma moeda: com um chute alto. Mas Napão conseguiu se esquivar e, em seguida, repetir a tática da parcial anterior. O brasileiro derrubou o rival e avançou posições. O atleta carioca acertou golpes na costela do rival, passou a meia-guarda e montou. Por cima, Napão desferia golpes e buscava uma chave de braço, mas sem sucesso. O round terminou com Cro Cop com um corte no supercílio esquerdo.

O que parecia se transformar em uma vitória fácil para Napão se transformou em pesadelo no terceiro assalto. Aparentando estar mais cansado, o brasileiro encurtou a distância e trocou golpes com Mirko. Mais técnico na luta em pé, o croata acertou um cruzado de direita que balançou Gabriel. Com mais alguns golpes, o atleta tupiniquim foi ao chão e, castigado por várias cotoveladas, sofreu o nocaute técnico.

Risco de demissão

A dura derrota diante de Mirko Cro Cop pode complicar a continuidade da carreira de Gabriel Napão no UFC. Em sua segunda passagem pelo evento, o brasileiro, que já disputou o cinturão dos pesados, em 2008, vem de três derrotas em série.

 

Confira abaixo os resultados do UFC Fight Night 64 – Napão x Cro Cop

CARD PRINCIPAL

Mirko Cro Cop derrotou Gabriel Napão por nocaute técnico no R3;

Jimi Manuwa x Jan Blachowicz  na decisão unânime dos juízes;

Pawel Pawlak derrotou Sheldon Westcott  na decisão unânime dos juízes;

Maryna Moroz finalizou Joanne Calderwood com um arm-lock a 1m30s do R1;

CARD PRELIMINAR

Leon Edwards derrotou  Seth Baczynski por nocaute a 8s do R1;

Bartosz Fabinski derrotou Garreth McLellan na decisão unânime dos juízes;

Serginho Moraes derrotou Mickael Lebout na decisão unânime dos juízes;

Yaotzin Meza derrotou Damian Stasiak na decisão unânime dos juízes;

Anthony Hamilton derrotou  Daniel Omielanczuk na decisão unânime dos juízes;

Aleksandra Albu finalizou Izabela Badurek com com uma guilhotina a 3m34 do R2;

Steven Ray derrotou Marcin Bandel por nocaute técnico a 1m35s do R2

Taylor Lapilus derrotouRocky Lee na decisão unânime dos juízes (30×27, 30×27, 30×27).

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments