Equipe de Ryan Bader não esconde desânimo ao ver Gustafsson lutando pelo cinturão

Empresário do lutador norte-americano reclama que, no MMA, ‘entretenimento é mais importante que vitórias’

Bader (foto) enfrenta St. Preux na luta principal da noite. Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC

Bader (foto) esperava lutar pelo cinturão do UFC. Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC

Depois de recentemente iniciar uma rivalidade com Daniel Cormier, Ryan Bader esperava ser apontado com o primeiro desafiante do novo campeão dos meio-pesados do UFC. No entanto, seus planos foram por água abaixo com a notícia de que Alexander Gustafsson disputará o título, em data e local ainda a serem definidos.

Veja Também

Clima esquenta em coletiva do UFC 187 e Cormier quase briga com Ryan Bader
Bader critica trajetória de Cormier rumo ao cinturão e promete: ‘Vou enfrentá-lo e vencê-lo’
Daniel Cormier fará sua primeira defesa de cinturão contra Alexander Gustafsson
Feliz com chance de lutar pelo título, Gustafsson vê ‘várias oportunidades’ no jogo de Cormier

Isso provocou reclamações do empresário de Bader, David Martin, que acabou extraindo do episódio uma infeliz lição sobre a dinâmica dos negócios do MMA. “É um pouco desanimador, mas também ensina a entender que vencer não é necessariamente tudo no MMA. Entretenimento claramente é o fator mais importante, e é algo que vou discutir com meus lutadores que vêm do wrestling, onde a única coisa que importa é a vitória”, queixou-se Martin, em depoimento dado à emissora norte-americana “FOX Sports”.

Bader originalmente enfrentaria Cormier no próximo sábado (6), no UFC Fight Night 68, mas a retirada do cinturão de Jon Jones provocou mudanças e “DC” disputou – e venceu – o título dos meio-pesados no UFC 187. Bader vem de quatro vitórias consecutivas no UFC, enquanto que Gustafsson vem de derrota para Anthony Johnson.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments