Bruno Beirute bate Vitor Toffanelli e conquista cinturão dos penas no Max Fight 15

Programa de lutas ainda contou com a estreia de Hermison Oliveira, irmão de Charles do Bronxs, no MMA

Bruno Beirute vs. Vitor Toffanelli

Bruno Beirute derrotou Vitor Toffanelli na luta principal da noite no Max Fight 15. Foto: Alexandre Valle

O Max Fight 15 agitou o pacato município de Ilha Comprida, situada no litoral de São Paulo, na noite deste sábado (04). Cerca de 1.500 espectadores viram o peso pena Bruno Beirute bater Vitor Toffanelli na luta principal do evento e conquistar o cinturão da categoria de até 66 kg. O programa de lutas ainda trouxe a estreia do irmão de Charles do Bronxs, Hermison Oliveira, com uma vitória relâmpago e mais triunfo da promessa Felipe Cabocão.

Bruno Beirute conquista o cinturão

Veja Também

No dia da independência, ring girls do UFC levam fãs ao delírio com ensaio patriótico
Mesmo sem Aldo, UFC projeta bilheteria recorde na edição 189
Lawler minimiza papel de azarão contra MacDonald: ‘Vou provar que todos estão errados’
Vídeo: Rousey diz que quer bater Bethe ‘da forma mais devastadora e humilhante possível’

Na luta mais aguardada do evento, Bruno Beirute fez um equilibrado duelo contra Vitor Toffanelli. O combate, válido pela disputa do cinturão dos pesos-penas (66kg) da organização, começou com o domínio de Toffanelli que desferiu boas sequências no primeiro round, incluindo um chute rodado que por muito pouco não deu um ponto final ao duelo. Mais ligado na volta para o segundo round, Bruno entrou na luta e impôs o seu ritmo, mesclando fortes socos e chutes com boas e bem-sucedidas tentativas de quedas. Assim a luta se desenrolou até o quinto e derradeiro round, quando Vitor tentou dar seu último gás em busca do título. Mesmo com muito esforço e um bom trabalho de ground and pound, o esforço foi insuficiente e Beirute sagrou-se campeão por decisão unânime dos árbitros.

Luan Chagas finaliza Julio Cesar “Merenda”

Na segunda luta mais aguardada do Max Fight 15, Luan Chagas e Julio Cesar “Merenda” entraram no cage dispostos a dar um verdadeiro show. Após um início de muito estudo e alguns golpes trocados sem efetividade, Luan Chagas tomou a iniciativa do combate e partiu para cima do oponente. Suportando bem a pressão, Merenda também conseguiu bons momentos até o fim do primeiro assalto. Depois de receber as importantes instruções dos córners, Chagas voltou para o segundo round com o intuito de encerrar a luta, e foi o que aconteceu. Após aplicar contundentes golpes na luta em pé, o lutador também mostrou que possui um chão apurado ao vencer o duro adversário com um armlock.

Promessa do Team Nogueira, Cabocão mantém invencibilidade

Em uma das lutas mais eletrizantes da noite, Felipe Cabocão e Clésio Caveirinha protagonizaram um excelente combate. Apostando na trocação, eles proporcionaram grandes emoções ao público de Ilha Comprida (SP). Após dois rounds de muitas alternativas na luta em pé, Cabocão aproveitou sua melhor forma na luta de solo e aplicou um mata-leão no oponente a oito segundos para o fim do segundo round. Com o resultado, ele chegou a sua quinta vitória no MMA profissional.

Irmão de Charles do Bronx’s, estreia no Max Fight com vitória relâmpago

Irmão de Charles do Bronx’s, um dos maiores nomes brasileiros dentro do UFC, Hermison Oliveira provou que o sangue lutador está no DNA da família. Mostrando rapidez na luta de solo, Oliveira aplicou um triângulo nos primeiros momentos do combate e, com a posição bem ajustada, conseguiu desferir fortes cotoveladas em Carlos Eduardo Bahia, colocando um ponto final na luta aos 27 segundos do primeiro round.

Resultados do Max Fight 15:

Bruno Beirute venceu Vitor Toffanelli na decisão unânime dos juízes;

Luan Chagas finalizou Julio Cesar “Merenda” com um arm-lock a 1m27s do R2;

Alisson Barbosa finalizou Oton Jasse com um mata-leão a 4m15s do R1;

Daniel Ogro finalizou Everton Borges com uma americana de pé a 4m31s do R2;

Felipe Cabocão venceu Clésio Caveirinha por finalização (mata-leão) aos 4m52s do segundo round

Diogo Hannibal venceu Wellington Rocha por finalização (triângulo) 49 segundos do segundo round

Hermison Oliveira venceu Carlos Eduardo Bahia por nocaute técnico aos 27 segundos do primeiro round

Cassinho Arduini venceu Valzinho Santos por finalização (guilhotina) aos 45 segundos do primeiro round

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments