Hoje no Bellator, ex-TUF detona Dana White: ‘Está fazendo o UFC perder fãs’

Josh Koscheck fez duras críticas à forma como o dirigente trata os torcedores e comparou com seu novo patrão, Scott Coker

Koscheck (foto) deixou o UFC após cinco derrotas consecutivas. Foto: Josh Hedges/UFC

Koscheck (foto) deixou o UFC após cinco derrotas consecutivas. Foto: Josh Hedges/UFC

Dana White é, reconhecidamente, um dos maiores responsáveis pelo crescimento do UFC na última década. Apesar disso, o estilo polêmico do dirigente o fez colecionar, além de triunfos comerciais e o desenvolvimento da maior organização de MMA do planeta, inimigos no esporte. O mais recente deles foi o veterano do TUF 1 Josh Koscheck. Após deixar o Ultimate e assinar com o rival Bellator, Koscheck fez questão de detonar Dana e dizer que ele tem sido responsável por fazer o evento sistematicamente perder fãs.

Veja Também

Após demissão polêmica, Dana detona cutman do UFC: ‘Nunca fomos amigos’
Após defender o título, Dillashaw ultrapassa Werdum em ranking peso por peso do UFC
‘TJ Dillashaw nocautearia Conor McGregor’, afirma treinador do norte-americano

“Essa é minha opinião. Eu acho que o Dana White é só o ‘testa de ferro’ dos irmãos Fertitta. Ele é só um ‘pau-mandado’, um mensageiro, que está fazendo o UFC perder fãs todos os dias por causa das coisas que faz. Como você pode respeitar um cara que administra uma companhia e vai ao Twitter e chama as pessoas pelos nomes que ele chama? Eu acho infantilidade. Ele deveria ser o presidente de uma grande companhia, uma companhia bilionária, e como ele age?”, disse Koscheck, em entrevista ao site “Bleacher Report”.

Aproveitando para “fazer média” com seu novo patrão, o ex-desafiante ao título do Ultimate comparou as atitudes de Dana com a de outros dirigentes, dentre eles o presidente do Bellator, Scott Coker. “Você não vê o Roger Goodell (presidente da NFL, liga de futebol americano) fazer coisas assim. E você não vê o Scott Coker indo ao Twitter e dizendo às pessoas que elas são estúpidas ou gordas. Ou coisas como: ‘Nós tiramos esses anos de você, muito obrigado pelo seu dinheiro’. Espera aí. Isso é constrangedor. Eu não quero trabalhar para um cara como esse”, disparou.

Aos 37 anos, Josh Koscheck tem um cartel profissional de 17 vitórias e dez derrotas. Após cinco derrotas consecutivas, a última delas para o brasileiro Erick Silva em março deste ano, Koscheck rompeu com o Ultimate e, dias depois, assinou com o rival Bellator. Ainda não há data oficial para a estreia de “Kos”, como é conhecido, na nova organização.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments