Herbert Burns encara russo no ONE FC e promete: ‘O cinturão vai ser do Brasil’

Em bate-papo com o SUPER LUTAS, irmão mais novo de Gilbert Durinho falou sobre o duelo contra Timofey Nastyukhin, no dia 27/09

H. Burns (foto) está invicto em cinco lutas profissionais. Foto: Divulgação

H. Burns (foto) está invicto em cinco lutas profissionais. Foto: Divulgação

O sobrenome Burns já é sinônimo de excelência no jiu-jitsu dentro do universo do MMA e é justamente em busca de honrar sua família, a arte suave e seu país, que o peso pena Herbert Burns, irmão mais novo do treinador de Vitor Belfort e atleta do UFC Gilbert “Durinho” Burns, parte em busca do cinturão do ONE FC, principal evento de artes marciais mistas da Ásia na atualidade.

Veja Também

Ronda diz que sua carreira está ‘incompleta’ sem luta contra Cyborg
Ex-desafiante pelo cinturão do UFC cruzará o Atlântico em prova de barcos
‘Toquinho não deveria pensar em lutar novamente’, diz dirigente do WSOF
Dana White comenta post sobre Fedor e deixa fãs em polvorosa

Herbert assinou contrato para enfrentar o russo Timofey Nastyukhin na luta co-principal do ONE Championship, marcado para o próximo dia 27 de setembro, em Jacarta, na Indonésia. O duelo entre Burns e Nastyukhin definirá o próximo desafiante ao título peso pena, cujo cinturão será disputado entre o campeão Narantungalag Jadambaa e o desafiante Marat Gafurov na luta principal do mesmo evento.

Em bate-papo exclusivo com o SUPER LUTAS, Herbert falou sobre o duelo e prometeu trazer o título para o Brasil. “Eu nunca pedi luta fácil, pra fazer cartal. Estou aqui no ONE FC para ser campeão e a única coisa entre uma chance pelo título e eu hoje é o Nastyukhin. Ele apareceu na hora errada, eu estou faminto por essa vitória”, disse o atleta da Evolve MMA. “Esse cinturão vai se rdo Brasil”, completou.

Além disso, o brasileiro também analisou seu adversário. “O russo é bem duro, ele bate muito forte e é explosivo, mas por outro lado nunca passou do primeiro round. Eu também gosto de terminar minhas lutas rápidas. Então, se ele vier igual a um louco para nocautear, vou derrubar e trabalhar para pegá-lo. Mas se for na estratégia, tudo bem, estou disposto a levá-lo para uma luta longa”, garantiu.

Aos 27 anos, Herbert Burns tem um cartel profissional de cinco vitórias em cinco lutas como profissional. Após uma rápida experiência no circuito nacional, o especialista em jiu-jitsu se transferiu para Cingapura e assinou com o ONE FC. No evento asiático, “The Blaze” (a “Labareda”), como é conhecido, fez quatro lutas, com duas vitórias por finalização e duas por decisão.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments