UFC confirma que Woodley disputará cinturão

Mesmo sem enfrentar Hendricks no UFC 192, norte-americano deverá enfrentar o vencedor de Lawler x Condit pelo título

Mesmo sem lutar, Woodley deverá disputar título. Foto: Divulgação

Mesmo sem lutar, Woodley deverá disputar título. Foto: Divulgação

Tyron Woodley recebeu um consolo para lidar com a frustração de ver sua luta no UFC 192 ser cancelada em cima da hora. O Ultimate confirmou que o norte-americano será o próximo desafiante pelo cinturão dos meio-médios, no ano que vem.

Veja Também

Vídeo: Reveja a conquista do cinturão do UFC por Daniel Cormier, na íntegra
Para se vingar de nutricionista, BJ Penn desafia Lentz e propõe volta ao MMA
Assista à pesagem oficial do UFC 192, com Cormier e Gustafsson. Ao vivo!

Neste sábado (3), Woodley enfrentaria Johny Hendricks para estabelecer o próximo da fila pelo título. Porém, o ex-campeão passou por problemas com o corte de peso e teve de ser hospitalizado, o que o impediu de prosseguir com os planos de lutar.

Assim, Woodley terá o direito de enfrentar o vencedor da luta entre Robbie Lawler, o campeão da categoria, e Carlos Condit, que se enfrentam no dia 2 de janeiro – a menos que o lutador não queira ficar tanto tempo inativo e opte por retornar antes disso.

“Estou decepcionado. Johny Hendricks não batendo o peso é uma derrota para ele e uma vitória para mim. Ele não estava preparado para lutar, mas eu estava. Não é a primeira vez que ele tem problemas, e isso é parte de ser um profissional. Eu não devo ser penalizado por não poder competir. Eu estou pronto para lutar pelo título e acho que mereço”, disse Woodley, segundo o site da emissora “FOX Sports”.

Mesmo sem subir no octógono, Woodley deverá receber normalmente seu pagamento referente à luta.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments