UFC 192: Com a sombra de Jones, Cormier e Gustafsson lutam pelo título nesta noite

Atletas duelam em Houston pelo cinturão dos meio-pesados de olho na possibilidade de enfrentar ex-campeão a seguir

Cormier e Gustafsson se enfrentarão no UFC 192. Foto: Divulgação/UFC

Cormier e Gustafsson se enfrentarão no UFC 192. Foto: Divulgação/UFC

Neste sábado (3), o UFC 192 representará um momento importante para a história da categoria dos meio-pesados do Ultimate. Recém-coroado campeão, Daniel Cormier fará sua primeira defesa de título diante de Alexander Gustafsson, na luta principal do evento que será realizado na cidade de Houston, no Texas.

Veja Também

Cormier ignora desvantagem em altura e fala em aposentar Gustafsson no UFC 192
Hendricks tem problemas no corte de peso e luta contra Woodley é cancelada
‘Acho que Gustafsson é superestimado’, diz Cormier

No entanto, a ocasião é importante não só por causa da luta em si. Os dois atletas subirão no octógono de olho no título, mas com a sombra de Jon Jones, ex-campeão do peso e amplamente considerado como o melhor lutador do mundo no momento.

O combate acontecerá pouco depois de Jones entrar em acordo com a justiça norte-americana e dar um passo rumo ao seu retorno ao octógono. Para quem não sabe, o lutador se envolveu em um controverso acidente de trânsito em abril, no qual atingiu o carro de uma mulher grávida e fugiu sem prestar socorro. O UFC suspendeu o lutador e lhe retirou o título, mas a recente decisão do tribunal poderá deixá-lo mais perto do retorno. Assim, muitos apostam que Cormier e Gustafsson duelarão para ver quem será o próximo adversário de Jones – que já derrotou a ambos no passado.

Esta será a primeira defesa de título de Cormier, que conquistou o cinturão em maio. Na ocasião, “DC” sobreviveu ao ímpeto de Anthony Johnson e impôs seu wrestling até obter uma bela finalização.

Apesar da importância da luta, é inegável que a divisão dos meio-pesados vive, sem Jones, um momento de “terra arrasada”. Cormier foi eleito para disputar o cinturão vindo de derrota justamente para Jones, enquanto que Gustafsson perdeu em sua última luta para Johnson.

Quem vencer a luta poderá deixar para trás as derrotas mais recentes e ficar um passo mais perto de se estabelecer como rei entre os lutadores de até 93 kg. O perdedor, porém, deverá recuar em vários passos.

Para isso, Cormier deverá apostar em seu wrestling de nível olímpico e que foi arma fundamental para sua vitória sobre Johnson. Gustafsson, em contrapartida, deverá mostrar uma movimentação afiada e um kickboxing justo para anular o estilo “grinder” de Cormier. Se trata de um choque de estilos que promete deixar o público em pé em Houston.

Se Jones não voltar, já há o próximo da fila

Bader (esq.) e Evans (dir.) devem se enfrentar em outubro. Foto: Produção SUPER LUTAS (Divulgação/UFC)

Bader (esq.) e Evans (dir.) lutam no UFC 192. Foto: Produção SUPER LUTAS (Divulgação/UFC)

Por conta dos recentes acontecimentos, muitos já imaginam que o vencedor da luta principal da noite será o próximo a enfrentar Jon Jones dentro do octógono. Porém, caso o ex-campeão ainda não volte à ativa, o UFC 192 provavelmente irá definir quem irá tentar conquistar o cinturão a seguir.

Isso porque a luta co-principal contará com o duelo entre Ryan Bader e Rashad Evans. Bader vem de quatro vitórias seguidas e esperava ser o próximo a lutar pelo título, mas acabou sendo preterido. Caso chegue à quinta, deverá ser inevitável que o UFC lhe dê a luta pelo título.

Evans, por sua vez, vem lutando contra lesões há tempos – sua última atuação foi em novembro de 2013. Porém, com a credencial de ex-campeão, “Sugar” poderá dar a volta por cima se conseguir frear o bom momento de Bader.

Único brasileiro do evento luta no card preliminar

O peso leve Adriano Martins será o único representante brasileiro no UFC 192. O manauara tentará obter sua terceira vitória em sequência dentro do octógono diante do invicto Islam Makhachev, que fará sua segunda luta no Ultimate.

O restante do card preliminar contará com alguns duelos interessantes. Antigos desafiantes pelo cinturão dos moscas, Joseph Benavidez e Ali Bagautinov fazem duelo de vítimas de Demetrious Johnson; além disso, o evento contará com a estreia do lutador mais jovem do UFC em atividade: o invicto Sage Northcutt, de 19 anos, que debutará no octógono diante de Francisco Trevino.

Confira abaixo a ficha técnica do UFC 192:

DATA E HORÁRIO: 03/10/2015, a partir das 19h (horário de Brasília)

LOCAL: Toyota Center, Houston, Texas (EUA)

TRANSMISSÃO: Canal Combate

 

CARD PRINCIPAL

Meio-pesados: Daniel Cormier (93 kg) x Alexander Gustafsson (92,5 kg)
Meio-pesados: Ryan Bader (93,4 kg) x Rashad Evans (93 kg)
Pesados: Shawn Jordan (116,1 kg) x Ruslan Magomedov (107 kg)
Moscas: Joseph Benavidez (57,1 kg) x Ali Bagautinov (56,7 kg)
Galos: Jessica Eye (61,6 kg) x Julianna Peña (61,2 kg)

CARD PRELIMINAR

Penas: Yair Rodriguez (65,7 kg) x Dan Hooker (66,2 kg)
Meio-médios: Alan Jouban (77,1 kg) x Albert Tumenov (77,1 kg)
Leves: Adriano Martins (70,7 kg) x Islam Makhachev (70,7 kg)
Palhas: Rose Namajunas (52,1 kg) x Angela Hill (52,1 kg)
Leves: Francisco Trevino (72,5 kg*) x Sage Northcutt (70,7 kg)
Moscas: Chris Cariaso (57,1 kg) x Sergio Pettis (57,1 kg)
Pesados: Derrick Lewis (116,1 kg) x Viktor Pesta (107,5)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments