‘Ainda estaria no UFC se não tivesse ficado doente’, diz Lesnar

Ex-campeão dos pesados do Ultimate declara que se sentiu 'roubado' por doença no intestino quando tinha o cinturão

Lesnar (foto) foi campeão do UFC entre 2008 e 2010. Foto: Divulgação/UFC

Lesnar (foto) foi campeão do UFC entre 2008 e 2010. Foto: Divulgação/UFC

Astro do telecatch nos Estados Unidos, Brock Lesnar teve passagem meteórica pelo UFC entre o fim da década passada e o começo da atual. Mesmo engatinhando em sua carreira no MMA, o gigante norte-americano chegou a conquistar título dos pesados do UFC, derrotando nomes como Randy Couture, Shane Carwin e Frank Mir. E Lesnar acredita que ainda estaria no UFC se tivesse condições físicas para isso.

Veja Também

Polêmico ex-campeão do K1 brinca com CR7: ‘Recém casados’
Capa de revista, Ronda revela ‘segredo do sucesso’: Asinhas de frango
Vídeo: Lawler x MacDonald vira ‘Street Fighter’ na internet

Quando era campeão do Ultimate, Lesnar chegou a ficar um longo tempo afastado das lutas ao sofrer com uma diverticulite, uma doença no intestino. Ele chegou a voltar depois disso, mas acabou deixando sua carreira no MMA de lado ao fim de 2011.

Em entrevista ao podcast de Steve Austin, Lesnar afirmou que ainda estaria fazendo estrago no UFC se o seu corpo contribuísse. “Vocês me viram 100% na luta contra Randy, mas depois piorou. Quando eu passava da metade dos meus treinamentos, sabia que algo estava errado. Havia algo fisicamente errado comigo, então eu precisei investigar o que era”, comentou. “Não é conversa fiada. Eu me senti roubado pela diverticulite. Eu estava me sentindo bem, mas levou um tempo para que eu voltasse a ficar bem. Foi realmente injusto para mim. Até hoje não sei se teria voltado ao pro-wrestling se não tivesse ficado doente. Eu ainda estaria batendo em cabeças”, acrescentou.

 

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments