Comissão define árbitros e juízes para Aldo x McGregor

Veterano árbitro será o mediador de luta principal do UFC 194; Chris Weidman terá ‘amuleto’ para defesa contra Rockhold

Aldo (esq.) x McGregor (dir.) encabeçará UFC 194. Foto: Josh Hedges/UFC

Aldo (esq.) x McGregor (dir.) encabeçará UFC 194. Foto: Josh Hedges/UFC

O mais importante evento do UFC nesta reta final de ano já tem definidos os árbitros e jurados de suas lutas principais. Veterano árbitro do MMA, presente desde a segunda edição do Ultimate, John McCarthy será o mediador da luta entre José Aldo e Conor McGregor, atração principal do UFC 194, no dia 12 de dezembro, em Las Vegas (EUA).

Veja Também

José Aldo apoia Barão nos penas: ‘Ele tem que subir de categoria’
Vídeo: Dana dá festa com mulheres e bebida no TUF e McGregor fica ‘soltinho’
UFC comete gafe e erra nacionalidade do rival de José Aldo

Caso a luta que unificará o cinturão dos penas do UFC vá à decisão, a pontuação ficará ao encargo de Derek Cleary, Sal D’Amato e Junichiro Kamijo. Destes, Cleary esteve presente em algumas decisões polêmicas nos últimos anos. Ele foi “voto vencido” nas lutas Daniel Cormier x Alexander Gustafsson e Holly Holm x Raquel Pennington, apontando vitória para os atletas que terminaram derrotados. Além disso, Cleary deu vantagem para Joanna Jedrzejckyk sobre a parceira de treinos de Aldo, Cláudia Gadelha, em resultado contestado até hoje pela Academia Nova União.

O combate co-principal da noite, entre Chris Weidman e Luke Rockhold, válido pelo título dos médios do UFC, terá Herb Dean como árbitro central. Coincidentemente, Dean intermediou todas as quatro últimas lutas de Weidman, sendo as duas contra Anderson Silva, a defesa diante de Lyoto Machida e seu combate mais recente, contra Vitor Belfort. Se a luta não for definida em cinco rounds de cinco minutos, a pontuação será responsabilidade de Adelaide Byrd, Marcos Rosales e Chris Lee.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments