‘Difícil de falar se McGregor acertou ou se eu errei’, diz Aldo após rever luta

Brasileiro garantiu que não foi afetado psicologicamente pelas provocações do rival e que isso não influenciou no resultado

Aldo (foto) sofreu sua primeira derrota em 10 anos. Foto: Josh Hedges/UFC

Aldo (foto) sofreu sua primeira derrota em 10 anos. Foto: Josh Hedges/UFC

O primeiro passo para superar o revés sofrido diante de Conor McGregor na luta principal do UFC 194, no último sábado (12), já foi dado por José Aldo. Já no dia seguinte ao nocaute, o brasileiro assistiu o rápido combate, que durou apenas 13 segundos, e deixou suas impressões sobre o duelo, que marcou sua primeira derrota como profissional em mais de 10 anos.

Veja Também

Vídeo: McGregor tem nocaute idêntico ao de Aldo no início da carreira
McGregor previu exatamente como nocautearia Aldo dias antes da luta
Vídeo: Veja as reações dos técnicos ao nocaute de McGregor sobre Aldo

“Então, nem teve luta, né? Treze segundos só. Vi a luta, sim. E lembro também da maneira que eu fui entrar, de como fui golpear. Mas, cara, é muito difícil de falar se é acerto ou se é erro. A decisão é sempre muito rápida e eu achei que na hora que eu fui tentar entrar com a combinação ele conseguiu conectar um bom golpe. Faz parte”, contou o ex-campeão, em entrevista ao canal “SporTV”.

Apesar dos comentários, entretanto, Aldo admitiu que tem sido difícil absorver a derrota. “É muito difícil ainda de digerir. A gente treinou bastante, fez tudo certinho e o resultado não foi positivo. A gente demora um pouco a digerir, mas faz parte. Isso é um esporte e a gente tem que aceitar”, afirmou, rechaçando também qualquer tipo de interferência do aspecto psicológico no resultado. “Não teve nada disso de lado psicológico, de eu estar nervoso. Não. Nada. Estava como sempre fui. Fiz tudo certinho, o treinamento, falei com todo mundo, estava da melhor maneira possível”, garantiu.

Com o revés diante de Conor McGregor, José Aldo agora tem um cartel profissional de 25 vitórias e duas derrotas. Além disso, o manauara perdeu o cinturão linear dos penas, que era seu desde que a categoria foi instituída, no fim de 2010. Aldo tem feito campanha para uma revanche imediata contra McGregor, mas o presidente Dana White já disse que o duelo entre os rivais não vai se repetir na próxima luta deles.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments