Lutador do UFC credita derrota de Aldo a testes antidoping mais rigorosos

Brendan Schaub volta a polemizar e afirma que lutadores da Nova União não serão mais os mesmos com nova política de exames

J. Aldo (foto) não é mais o campeão dos penas. Foto: Divulgação

J. Aldo (foto) não é mais o campeão dos penas. Foto: Divulgação

Desde que José Aldo foi derrotado de maneira rápida por Conor McGregor no UFC 194, surgiram muitas possíveis explicações a respeito do ocorrido – se teria sido nervosismo do brasileiro, afobação, puro mérito do irlandês ou até mesmo um golpe de sorte. Contudo, o peso pesado Brendan Schaub apresentou uma justificativa para lá de polêmica: Aldo não é mais o mesmo lutador de antigamente com a introdução da nova política antidoping do UFC.

Veja Também

Lutador do UFC causa polêmica e insinua que brasileiros usam esteroides
Treinador de Aldo pede respeito após derrota
Filme de Aldo é adiado por tempo indeterminado após derrota

Desde julho o Ultimate tem parceria com a Agência Antidoping dos Estados Unidos (USADA), que faz testes aleatórios em todos os atletas do plantel da organização. Esta foi, portanto, a primeira luta de Aldo sob as novas normas. Schaub acredita que isso tem influência na performance não só de Aldo, mas de todos os atletas da academia Nova União, academia onde o ex-campeão treina.

“Você está maluco se não acha que o corpo de José Aldo parecia diferente. Você é maluco se acha que ele vai lutar da mesma forma [que antes]. Acho que sua equipe está com uma vitória e sete derrotas, ou zero vitórias e oito derrotas desde que esse novo sistema de testes antidoping apareceu. Então, estamos falando de um lutador diferente”, disse o lutador, em entrevista ao podcast de Joe Rogan, comentarista oficial do UFC nas transmissões norte-americanas.

Não é a primeira vez que Schaub polemiza quando o assunto é antidoping e lutadores brasileiros. Em agosto, o norte-americano afirmou que os atletas do país eram especializados em “muay thai, jiu-jitsu, esteroides e boxe”, inclusive apostando na época que McGregor derrotaria Aldo exatamente por este motivo.

Apesar de não ter anunciado sua aposentadoria, Schaub recentemente afirmou que está se afastando temporariamente do esporte para se dedicar à carreira de apresentador. Ele, que já derrotou nomes como Mirko Cro Cop, Gabriel Napão e Matt Mitrione, fez seu último combate em dezembro de 2014, perdendo para Travis Browne.

*Editado às 19h30: O treinador principal de Aldo e líder da academia Nova União, Dedé Pederneiras, respondeu às acusações em sua conta no Twitter. Dedé postou uma montagem comparando o físico de Aldo em seus quatro últimos combates:

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments