Árbitro do Jungle Fight morre em acidente de moto no Rio

Alessandro Souza tinha 46 anos e também era membro da Liga Carioca de Muay Thai

Alessandro Souza (foto) foi árbitro no Jungle e no circuito nacional. Foto: Reprodução

Alessandro Souza (foto) foi árbitro no Jungle e no circuito nacional. Foto: Reprodução

O MMA brasileiro está de luto. Na tarde deste domingo (10) faleceu no Rio de Janeiro (RJ) o árbitro do Jungle Fight Alessandro Souza, de 46 anos, vítima de um acidente de moto. A colisão que vitimou o árbitro ocorreu por volta das 13h na Autoestrada Lagoa-Barra.

Veja Também

Amanda Lemos e Mayra Cantuária fazem duelo de invictas no Jungle Fight 85
McGregor responde tese racista de Mayweather e desafia: ‘Podemos organizar uma luta’
Patrocinador anuncia volta de GSP, mas volta atrás

Alessandro, que se chocou contra uma árvore após perder o controle da moto, chegou a ser levado com vida para o Hospital Miguel Couto, mas não resistiu à cirurgia e faleceu às 16h em decorrência de traumatismo encefálico e pneumotórax.

Além de árbitro profissional, atuando no Jungle Fight pelos últimos quatro anos, Alessandro também era membro da Liga Carioca de Muay Thai e professor de boxe tailandês. Ela deixa esposa e um filho de apenas três anos. Seu velório acontecerá a partir das 12h desta segunda-feira (11), no Cemitério São João Batista, e o sepultamento será às 16h30.

Em nota oficial, o Jungle Fight lamentou a morte de Alessandro Souza:

“É com muito pesar que informamos sobre a morte do nosso grande amigo e companheiro de jornada Alessandro Souza, hoje, dia 10 de janeiro de 2016. A sua morte nos pegou de surpresa e o levou de nós repentinamente. Neste momento de dor e consternação, só nos cabe pedir a Deus que lhe ilumine e lhe dê paz, e que Deus dê conforto à sua família para que possam enfrentar esta imensurável dor com serenidade.

Agradecemos imensamente o tempo que pudemos conviver com ele, que será sempre lembrado pelo profissionalismo, honestidade, lealdade, inteligência, competência e sensibilidade para lidar com as adversidades e conflitos humanos. Devemos sempre lembrar que Deus quer ao seu lado os melhores, e com certeza o nosso amigo já está ao lado do Senhor cumprindo uma nova missão.

Deixamos os nossos mais sinceros pêsames aos familiares e amigo”

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments