Anderson desconversa sobre revanche com Belfort: ‘Ele já sentiu meu chulé’

Lutadores não mostram desejo em reeditar combate de 2011, mas diretor do UFC diz que agendamento da luta depende dos fãs

Anderson venceu Belfort com chute cinematográfico. Foto: Divulgação

Anderson venceu Belfort com chute cinematográfico. Foto: Divulgação

Muitos fãs gostariam de ver uma revanche entre Anderson Silva e Vitor Belfort, mas, por enquanto, o plano ainda não saiu do papel. Os dois lendários lutadores estarão no card do UFC 198, em maio, mas enfrentando rivais diferentes. Mesmo assim, o suposto duelo foi assunto da coletiva de imprensa realizada para promover o evento de Curitiba, e ambos os atletas não se mostraram muito animados com a ideia.

Veja Também

Anderson brinca sobre doping: ‘Fui de bombado a broxa muito rápido’
Anderson Silva é confirmado no UFC Curitiba contra Hall
Anderson pede por luta contra McGregor: ‘Gostaria de me testar’

Após ser questionado sobre o assunto, Anderson desconversou e usou o bom-humor para responder. “É muita coisa para o meu coração. Meu coração de 41 anos não aguenta mais. Me deixem em paz. Muita gente me quer ver lutando pelo cinturão, lutando com o Vitor. Ele já sentiu o cheiro do meu pé, então deixa para lá”, disse o ex-campeão dos médios, aos risos.

Belfort, por sua vez, afirmou que não planeja no momento descontar a derrota em seu cartel. “Estou muito focado no meu objetivo de conquistar o cinturão. Sou muito bem resolvido e isso é um esporte. Hoje estamos colhendo os frutos daquela luta. Foi uma noite brilhante para ele, o cheiro do chulé já passou. Foi um chute fantástico, mas agora tenho o [Ronaldo] Jacaré pela frente”, explicou.

Diretor do UFC no Brasil, Giovani Decker afirmou que a luta poderá entrar nos planos da organização caso os fãs mostrem o desejo em vê-la. “A filosofia do UFC é fazer o que o fã quer. Então, deixo a pergunta para quem está assistindo para saber se eles querem ver a luta”, respondeu.

Belfort e Anderson se enfrentaram em fevereiro de 2011, em luta que marcou o grande “boom” do MMA no Brasil. Na ocasião, “Spider” defendeu seu cinturão ao vencer com um nocaute cinematográfico, com um chute frontal que derrubou Belfort.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments