‘UFC promove mais os arrogantes’, diz Henderson

Ex-campeão do UFC acredita que organização não dá muita atenção para lutadores que não são polêmicos fora do octógono

Henderson (foto) agora é atleta do Bellator. Foto: Josh Hedges/UFC

Henderson (foto) agora é atleta do Bellator. Foto: Josh Hedges/UFC

Veja Também

Lutador russo revela que UFC ofereceu a Fedor mais dinheiro que o Rizin
GSP revela que política com a Reebok é empecilho para seu retorno
Alvarez promete destronar Dos Anjos de forma violenta

A ascensão meteórica de Conor McGregor levantou debate no mundo do MMA sobre a necessidade de uma postura mais arrogante por parte dos lutadores a fim de ganhar fama repentina. O ex-campeão dos leves do UFC Benson Henderson considera que a principal organização do planeta tende a promover muito mais os atletas polêmicos fora do octógono em vez dos “mocinhos”.

“Eu sempre me questiono isso, especialmente no UFC, onde há tantos caras legais, gente de família que não são extravagantes. Tem muita gente que não sai preso de boates, há muitos caras legais que não se metem em problemas. Por algum motivo, esses caras não são promovidos como deveriam, eu acho. Mas, se você for arrogante, convencido ou seja lá o que for, você é muito mais promovido. O UFC é uma empresa inteligente, mas eles não promovem alguns caras como deveriam”, analisou o lutador, em entrevista ao site da revista norte-americana “Sports Illustrated”.

Henderson foi campeão dos leves do UFC entre 2012 e 2013. Insatisfeito com sua condição dentro da organização, o lutador deixou a empresa e assinou com o Bellator, onde disputará o cinturão dos meio-médios na próxima sexta-feira (22), diante de Andrey Koreshkov.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments