Jones reascende rixa e mostra ‘dedo do meio’ para Cormier na saída do octógono

Ex-campeão fez questão de provocar o rival logo após bater Ovince St. Preux na luta principal do UFC 197

Jones (foto) faz gesto obsceno para Cormier na bancada lateral do octógono. Foto: Reprodução

Jones (foto) faz gesto obsceno para Cormier na bancada lateral do octógono. Foto: Reprodução

Passada a luta contra Ovince St. Preux, a qual venceu em decisão unânime dos juízes neste sábado (23) e lhe rendeu o cinturão interino dos meio-pesados, Jon Jones já pode voltar suas atenções para seu grande rival e próximo adversário: Daniel Cormier. E Jones não esperou muito tempo para reascender a rixa com DC e tratou de provocar o desafeto logo na saída do octógono.

Veja Também

Vídeo: Assista aos melhores momentos da vitória de Jon Jones sobre Ovince St. Preux
Em volta discreta, Jon Jones bate St. Preux e fatura cinturão interino no UFC 197
Após nocautes, DJ e promessa mexicana faturam bônus no UFC 197

Enquanto descia do cage onde havia acabado de vencer St. Preux, Jones olhou para o lado, onde Cormier comentava a luta para a transmissão norte-americana do UFC ao lado de Joe Rogan e Mike Goldberg, e fez o universal gesto obsceno do ‘dedo do meio’ – que dispensa maiores explicações quanto a seu significado.

A expectativa é de que Daniel Cormier x Jon Jones 2 seja a luta principal do UFC 200, no dia 9 de julho, em Las Vegas (EUA). O presidente Dana White não confirmou a realização do duelo na coletiva realizada após o UFC 197, mas disse que essa é a luta que a organização pretende promover.

O duelo, no entanto, ainda depende de uma série de fatores para sair do papel. Jon Jones receberá em breve uma suspensão médica e, dependendo do prazo estipulado pela Comissão Atlética de Nevada pode ficar inabilitado a participar do histórico card em julho. Já Cormier será avaliado por um médico na próxima segunda (25) e descobrirá se vai ter condições ou não de lutar.

Assista abaixo ao momento da provocação de Jon Jones a DC:

Um vídeo publicado por ufc (@ufc) em

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments