Garbrandt pede Caraway, que considera luta ‘passo pra trás’

Namorado de Miesha Tate não se empolgou com possível duelo no UFC 203, conforme sugerido por Cody

Caraway (esq.) e Gabrandt (dir.): a luta sai? Foto: Produção SUPER LUTAS

Caraway (esq.) e Gabrandt (dir.): a luta sai? Foto: Produção SUPER LUTAS

Após bater Thominhas Almeida na luta principal do UFC Fight Night Vegas, Cody Garbrandt já sabe exatamente quem quer enfrentar a seguir: Bryan Caraway. Em entrevista, o jovem atleta da Team Alpha Male já definiu até a data para o confronto: 10 de setembro, no UFC 203.

Veja Também

Thominhas cai duas posições e Barão sai do ranking pela primeira vez
Garbrandt provoca: ‘Sabia que o Thominhas tinha um queixo suspeito’
McGregor garante: ‘A ideia de Aldo x Edgar 2 no UFC 200 foi minha’

“Eu vi ele zombando na mídia sobre como eu não mereço o que está à minha frente. Você teve uma luta parelha com o Aljamain e eu fui lá e destruí meu adversário em menos de três minutos… Ele se dá crédito por ter o melhor queixo da divisão no UFC, então, eu tenho as mãos mais pesadas. Eu sou o cara que bate mais forte, o mais rápido, por que não colocar isso tudo junto e testar? Sem desrespeito, mas vamos lutar no dia 10 de setembro, em Cleveland, na Quicken Loans Arena, pelo posto de desafiante número um”, disse “No Love”, ao programa “The MMA Hour”.

A proposta, no entanto, não agradou ao alvo. Caraway comentou o desafio no mesmo programa, momentos depois, e esquivou-se da possibilidade de dividir o octógono com Garbrandt. “Eu não estou dizendo que ele não é extremamente talentoso, mas ele não estava nem ranqueado entre os 15 melhores do mundo antes. Claro, ele teve um desempenho extraordinário nocauteando um cara invicto, mas eu acho que eu estaria dando um passo para trás de onde estou tentando ir. Eu estou no alto escalão do top 5 e eu creio que o Cody precise vencer de mais um top 10 e então ele estará pronto para o top 5”, garantiu o namorado de Miesha Tate.

Atualmente, Cody Garbrandt ocupa a sétima posição no ranking da categoria peso galo masculina do UFC. Já Bryan Caraway está em quarto. O que pode favorecer o casamento do duelo entre eles, no entanto, é o fato de que todo os membros do top 10, com a exceção de John Dodson, ou tem lutas marcadas ou enfrentaram um dos dois recentemente.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments