Gustafsson garante: ‘Eu nunca perdi minha motivação’

Sueco admite que revés para Cormier foi uma das piores sensações de sua carreira, mas diz 'pessoas não entendem meus sentimentos'

Gustafsson (foto) diz que não perdeu a motivação após derrotas recentes. Foto: Josh Hedges/UFC

Gustafsson (foto) diz que não perdeu a motivação após derrotas recentes. Foto: Josh Hedges/UFC

Veja Também

‘Jones não conseguirá se livrar do rótulo de trapaceiro’, diz Gustafsson
Gustafsson enfrenta Jan Blachowiz no UFC Hamburgo

Duas vezes desafiante ao cinturão dos meio pesados, Alexander Gustafsson não deixou se abalar por ter ficado no quase em ambas as oportunidades. E quem garante isso é o próprio lutador. Em entrevista ao sorte norte-americano MMAJunkie, ele comentou sobre o sentimento amargo após as derrotas.

“Eu nunca perdi minha motivação. Não sei porque as pessoas ficam me falando isso. Tive duas derrotas. Perdi minha luta na linha de chegada contra Cormier. As pessoas choram. É um grande golpe e te atinge em cheio, mas as pessoas não entendem os pensamentos e sentimentos que se tem quando você treina tão duro por alguma coisa e perde nos pequenos detalhes”, falou Alexander.

Gustafsson não vence desde março de 2014, quando nocauteou Jimi Manuwa. De lá para cá, foi nocauteado por Anthony Johnson e superado por pontos por Daniel Cormier, em sua apresentação mais recente. Depois das derrotas, o sueco  contestou a opinião de pessoas que não vivenciam o dia-dia de um lutador profissional.

“As pessoas não entendem isso. Você fala algumas coisas e as pessoas já dizem: ‘Ele vai se aposentar’. Não. Você não entende, cara. Você não esteve naquela posição, não faz ideia de como é. Então, para mim, claro que dá uma diminuída na motivação, mas isso é o que eu amo fazer”, concluiu.

Alexander Gustafsson, 29 anos, acumula oito vitórias e quatro reveses no UFC, e já venceu nomes como Maurício Shogun, Jimi Manuwa e Thiago Silva. Ele disputou o cinturão em duas oportunidades – contra Jon Jones e Daniel Cormier -, mas foi derrotado por decisão em ambas.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments