McGregor revela torcida por Ronda Rousey: “É bom vê-la de volta”

Irlandês deixou lado provocativo de lado e afirmou que irá torcer para que Ronda recupere o cinturão da categoria dos galos

Ronda (foto) não luta desde novembro de 2015. Foto: Jeff Bottari/UFC

Ronda (foto) não luta desde novembro de 2015. Foto: Jeff Bottari/UFC

Veja Também

Dana White crava: “Ronda Rousey é estrela maior que McGregor”
UFC oficializa Amanda Nunes x Ronda Rousey no UFC 207

O retorno de Ronda Rousey ao octógono, que acontecerá no UFC 207, dia 30 de dezembro, em Las Vegas, contra a brasileira Amanda Nunes, vai contar com o apoio de um lutador especial. Conor McGregor, considerado, ao lado da loira, a maior estrela do MMA mundial na atualidade, deixou o lado falastrão de lado e afirmou que deseja “tudo de melhor” para Ronda e torce para que ela recupere o cinturão da categoria dos galos.

“Eu diria para ela ir calar a boa de todos eles agora. Cale a todos. Vá lá e pegue o que é seu de volta. Eu não desejo a Ronda nada que não seja o melhor. É bom vê-la de volta. Algumas pessoas encaram as derrotas de uma forma. Estou feliz que ela esteja pronta e desejo tudo de melhor para ela”, disse Conor, em entrevista para a revista norte-americana ‘Sports Illustrated’.

Ronda não luta desde novembro do ano passado, quando perdeu o cinturão de forma brutal para Holly Holm no UFC 193, em Melbourne, na Austrália. Antes, ela havia defendido o cinturão da categoria em sete oportunidades, vencendo todos os combates por nocaute ou finalização. No total, são 12 vitórias e apenas uma derrota na carreira.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments