Notificado por doping, brasileiro alega inocência: “Consciência limpa”

Nicolau foi notificado no início de novembro, mas garante que não usou nenhuma substância proibida

M. Nicolau (foto) fez parte do Time Shogun no TUF BR 4. Foto: Divulgação

M. Nicolau (foto) fez parte do Time Shogun no TUF BR 4. Foto: Divulgação

Considerado uma das principais promessas do MMA brasileiro, Matheus Nicolau, peso mosca do UFC, sofreu um baque no início do mês de novembro. Nicolau foi notificado pelo UFC após a Agência Antidoping dos Estados Unidos (USADA) detectar algo incomum em uma amostra coletada no dia 13 de outubro.

Veja Também

Nicolau deixa card do UFC São Paulo por suspeita de doping
Americano vence reality e disputa cinturão do UFC neste sábado

Mesmo que não tenha sido divulgada qual seria essa irregularidade, Nicolau foi provisoriamente suspenso – na época, ele estava agendada para enfrentar Ulka Sasaki no UFC São Paulo, realizado dia 19 de novembro. Apesar da suspensão, Matheus, que recebeu a informação por e-mail, garante que não ingeriu nenhuma substância proibida, e se mostrou bastante surpreso com o ocorrido. Contudo, ressaltou que está com a consciência limpa.

“Eu nem sequer acreditei nisso, foi tipo: ‘Eu não acredito que estou lendo isso’. Eles disseram que apenas traços de contaminação foram encontrados. Nós temos nossas suspeitas de quais podem ter sido os suplementos, mas é difícil pensar em algum que tomei recentemente, nenhum deles possuía essa substância. Meu médico é muito cauteloso sobre isso, ele sempre lê as substâncias. Estamos trabalhando com a pior das hipóteses, que é um ano. Eu não tomei nenhum remédio nos últimos dois meses antes do teste, nossa suspeita número um é a de suplemento contaminado. […] Apesar de tudo, minha consciência está limpa”, declarou, em entrevista ao site ‘MMA Junkie’ (EUA).

O brasileiro também demonstrou preocupação com o futuro, pois, segundo ele, não há como se proteger dessas situações. “Sou um atleta de alta performance e preciso de suplementos para lutar, como vou continuar em alto nível comendo arroz e feijão? Eu preciso dos suplementos. Essa é minha preocupação. Eu sempre fui muito cuidadoso com isso, sempre fui ao médico. Então minha preocupação é sobre como vou me proteger para que essa situação não ocorra no futuro? Poderia ter sido pior, antes de uma disputa de título. Eu preciso usar isso para aprender e me tornar o melhor lutador de MMA que posso vir a ser”, concluiu.

Aos 23 anos, Matheus Nicolau foi participante do TUF Brasil 4 e estreou no Ultimate finalizando seu compatriota Bruno Korea, em novembro de 2015. Sua segunda luta na organização foi em julho passado, quando venceu John Moraga na decisão dividida dos juízes.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments