Dana White desmente treinador e diz que McGregor abriu mão de cinturão

Presidente do UFC desmente declarações de Kavanagh e afirma que decisão não partiu da organização

D. White (esq) disse que partiu de McGregor (dir) a ideia de abdicar do cinturão. (Foto: Getty Images)

D. White (esq) disse que partiu de McGregor (dir) a ideia de abdicar do cinturão. (Foto: Getty Images)

Dana White, presidente do UFC, resolveu quebrar o silêncio e comentar a tão comentada decisão tomada no último sábado (26), quando Conor McGregor foi destituído do posto de campeão dos pesos penas, tornando, assim, José Aldo o novo campeão linear da categoria. Contudo, engana-se quem pensa que a decisão foi tomada pela organização.

Veja Também

McGregor é retirado do ranking dos penas e Anderson cai nos médios
Treinador de McGregor diz que Aldo como campeão linear dos penas “é ridículo”
Aldo ‘tira’ cinturão de McGregor e Pettis x Holloway vale título interino dos penas

Após John Kavanagh, treinador de Conor, vir a público e falar que a medida partiu do Ultimate, e de forma equivocada, segundo ele, Dana tratou de desmentir Kavanagh, afirmando que a decisão de abdicar do cinturão dos penas foi do próprio McGregor.

“Ele (John Kavanagh) está desinformado. Acho que ele não sabe tudo que aconteceu. Você acha que eu fiz isso? Isso foi uma decisão do Conor”, declarou White, em entrevista ao “Yahoo!”.

No entanto, apesar de se eximir da “culpa”, Dana admitiu que McGregor estava travando a categoria. Agora, sem o irlandês, o presidente espera que a divisão volte a ter um campeão que defenda o cinturão da divisão.

“Olha, eu deixei Conor lutar com Diaz e depois deixei ele lutar com Diaz de novo. Então ficou um buraco no peso-leve e deixei ele lutar. Mas, no fim das contas, ele fez com que a divisão (dos penas) parasse por um ano. Existe um impasse lá e muitos caras estavam irritados. Esta foi a minha forma de corrigir o impasse. Queria que Aldo lutasse com Holloway pelo cinturão, mas ele precisava de mais tempo. Então olhei isso e disse: “bem, faz sentido fazer Aldo campeão e ter Holloway e Pettis pelo título interino, e, quando José estiver pronto, salvo alguma lesão maluca, o vencedor pode lutar com ele”, concluiu.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments