Ronda perdeu um bebê antes de aceitar luta com Amanda, diz site

Ex-campeã está em um relacionamento sério com Travis Browne desde o início de 2015

Ronda (esq.) e Browne (dir.) estão namorando desde o ano passado. Foto: Reprodução

Ronda (esq.) e Browne (dir.) estão namorando desde o ano passado. Foto: Reprodução

Veja Também

Na véspera do UFC 207, Lineker recebe faixa marrom de jiu-jítsu
Overeem e Mark Hunt se enfrentam no UFC 209, em março
Browne admite ‘ajuda’ de árbitro em derrota para Werdum

A ex-campeã Ronda Rousey teria passado por um drama pessoal antes de aceitar retornar ao octógono – ela enfrenta a brasileira Amanda Nunes na luta principal do UFC 207. Segundo o site norte-americano “Terez Owens”, Rowdy só decidiu lutar contra Amanda após ter perdido um bebê que esperava de Travis Browne, também lutador do UFC.

Ronda está há mais de um ano em um relacionamento sério com o peso pesado Browne. O próprio site havia noticiado, no fim de julho, a gravidez da norte-americana.

De acordo com a brasileira Cris Cyborg, Rousey estaria inicialmente escalada para lutar no histórico UFC 205, o primeiro na cidade da Nova York. Mas a gravidez teria tirado-a de combate. A peso pena havia feito a revelação em julho deste ano.

“Continuo ouvindo rumores de que Ronda Rousey está grávida e não lutaria mais no UFC 205. Se for verdade, parabéns pela nova vida que chega”, disse Cris, em seu Twitter oficial.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments