Dillashaw detona UFC por marcar luta entre Cruz e Garbrandt

Ex-campeão acha que ele era o merecedor de chance pelo título

TJ (foto) é ex-campeão do UFC. Foto: Jeff Bottari/UFC

TJ (foto) é ex-campeão do UFC. Foto: Jeff Bottari/UFC

 

O ex-campeão do UFC TJ Dillashaw achava que a vitória que conseguiu sobre Raphael Assunção no UFC 200 seria suficiente para que ele conseguisse outra chance pelo título peso galo. Porém, ele viu o ex-companheiro de equipe Cody Garbrandt passar à sua frente e entrar na disputa pelo cinturão de Dominick Cruz, em luta que acontece no UFC 207. Também lutando no evento da próxima sexta-feira (30), Dillashaw não gostou nada da atitude do Ultimate.

Veja Também

Johnson dispara: ‘Sou o melhor lutador do mundo’
Dana White não crê em novo retorno de Brock Lesnar ao UFC
Ex-lutador e comentarista questiona psicológico de Ronda

“Não culpo Cody por essa luta. Acho que qualquer lutador deve mirar o título, e deve insistir para que isso aconteça. Eu culpo Dominick Cruz e o UFC por essa luta. Eu sinto que eles estão debochando do esporte ao colocar o oitavo melhor cara da divisão contra o campeão”, atacou o norte-americano, em entrevista ao programa “The MMA Hour”.

Para Dillashaw, a experiência do atual dono do cinturão será mais que suficiente para vencer o invicto desafiante, que tem apenas 10 lutas profissionais no MMA.

“Eu vejo Cody com apenas uma dimensão. Ele é um ótimo lutador, rápido, forte. Ele é bom, não me leve a mal. Acho que todo mundo pode ganhar, todos têm uma chance, mas apostaria em Cruz, se pudesse. Ele vai fazer uma luta muito inteligente, é um veterano que sabe o que fazer. Não acho que Cody esteja pronto ainda”, ponderou.

Dillashaw também estará em ação no UFC 207. Número um do ranking do peso galo, o ex-campeão enfrenta o brasileiro John Lineker, que está na segunda posição. Especula-se que o vencedor dessa luta seja o próximo desafiante ao título até 61 kg.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments