Após cancelamento, Perry provoca Pitbull: ‘Ficou com medo’

Brasileiro foi obrigado a deixar o UFC Pittsburgh por razões desconhecidas e será substituído por Alex Reyes neste sábado (16)

M. Perry (foto) agora enfrenta A. Reyes no UFC Pittsburgh (Foto: Reprodução Twitter ufc)

M. Perry (foto) agora enfrenta A. Reyes no UFC Pittsburgh (Foto: Reprodução Twitter ufc)

O meio-médio Mike Perry se irritou ao saber do cancelamento de sua luta com Thiago “Pitbull” Alves, que ocorreria no UFC Pittsburgh deste sábado (16). O brasileiro provavelmente teve problemas para deixar a Flórida por conta do furacão Irma e foi obrigado a deixar o evento, embora a razão oficial para a saída de Thiago não tenha sido divulgada. Para Perry, no entanto, Pitbull estava com medo.

Veja Também

Thiago Pitbull está fora de luta contra Mike Perry no UFC Pittsburgh
Na véspera da luta, Sertanejo fica doente e deixa o UFC Pittsburgh
Rockhold garante que vai dominar Branch: ‘Não está no meu nível’

Em entrevista ao site norte-americano MMA Junkie, “Platinum” demonstrou estar irritado com o brasileiro e disse que o vídeo do seu nocaute sobre Jake Ellenberger, que foi reproduzido pelas redes sociais do UFC ao longo da semana, deve ter feito Pitbull repensar se valia a pena enfrentá-lo.

“Cara, eu preciso começar a pensar melhor nas coisas que eu digo, porque esses caras começam a ter medo de mim. O UFC colocou em todas as redes sociais o vídeo do meu nocaute sobre Ellenberger com os dizeres “Nocaute da Semana”. Isso pode ter assustado Thiago Alves. Ele ficou com medo. Deve ter visto e repensado tudo. Fiquei irritado porque ele levou para casa todo o reconhecimento que eu teria ao vencê-lo. O que me irrita também é que eu me preparei muito para isso e não vou poder ver essa preparação se traduzir em uma vitória sobre ele”, declarou Perry.

No lugar de Thiago, o UFC irá promover a estreia de Alex Reyes, que tem um cartel de 13-2 e é faixa-preta de jiu-jitsu. Perry não acredita que isso seja o suficiente para Reyes vencê-lo.

“É uma situação de perda para mim. Estou dando uma chance a esse cara e não ganho praticamente nada. Mas estou aqui para lutar e feliz que irei lutar. Ele é faixa-preta e acha que isso é o suficiente para que ele não deixe o octógono seriamente machucado. Mas vocês sabem o que esperar de alguém que se tranca em uma jaula comigo”, ameaçou “Platinum”.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário