Usman acusa falastrão Covington de fugir de luta: ‘Está com medo’

Nigeriano acusa falastrão de ter rejeitado enfrentá-lo por três vezes e diz que Colby só quer lutar contra adversários mais velhos

Usman vem de seis vitórias seguidas (Foto:Reprodução/Facebook KamaruUsman)

Colby Covington não esconde o desejo de lutar pelo cinturão meio-médio do Ultimate após a vitória sobre Demian Maia no UFC São Paulo. Porém, a organização não parece estar disposta a lhe dar a chance de título, já que vem lhe oferecendo uma luta com o perigoso Kamaru Usman. Segundo o nigeriano, o falastrão está com medo de enfrentá-lo.

Veja Também

Cyborg sonha em seguir passos de McGregor e migrar para o boxe
Daniel Cormier admite que pode se aposentar no ano que vem
Rivera diz que aceita desafio de Marlon para o UFC 219

Para Usman, Covington só quer enfrentar atletas sobre os quais tem grande vantagem física, o que não seria o caso com ele. Kamaru diz que Colby está interessado apenas em enfrentar atletas mais velhos, se não conseguir casar uma luta com o campeão Tyron Woodley.

“O UFC ofereceu o Colby, e ele disse não. Tentaram duas semanas depois, e Colby afirmou que não. Eles ofereceram pela terceira vez, a luta era para ser a principal do UFC de 14 de janeiro (em St. Louis). É por isso que demoraram tanto para anunciarem a atração principal. Era para Colby e eu lideramos o card, mas ele recusou. Colby quer enfrentar caras que ele leve vantagem atlética, física. Ele sabe que não conseguiria isso comigo. Você não pode trocar comigo, pois não tem mais potência do que eu. Covington está com medo e correndo em direção aos adversários mais velhos”, acusou Usman, em entrevista ao programa norte-americano The MMA Hour.

O nigeriano está invicto no UFC após conquistar a 21ª temporada do The Ultimate Fighter, representando a academia Blackzilians. Usman tem seis vitórias em seis lutas pelo Ultimate e vem de devastador triunfo por nocaute em cima de Serginho Moraes, no UFC Pittsburgh de setembro deste ano. Ele colocoará sua invencibilidade na organização em jogo contra Emil Meek no UFC St. Louis, no dia 14 de janeiro.

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments