Técnico de McGregor quer revanche contra Mayweather no UFC e ‘luta de verdade’ na mesma noite

John Kavanagh revelou que seu pupilo poderia fazer outra luta após vencer Mayweather no UFC

Técnico de McGregor quer revanche contra Floyd. (Foto: Reprodução Twitter ShowtimeBoxing)

Conor McGregor se aventurou no boxe e desafiou o supercampeão Floyd Mayweather em sua especialidade. Agora, com os rumores da ida do ‘Money’ ao UFC, o irlandês não esconde o desejo de ‘recepcionar’ o rival no MMA.

Veja Também

Mayweather é azarão para possível luta no UFC contra CM Punk
Mesmo com vitória no UFC 221, Romero recebe 180 dias de suspensão médica
Lutador do UFC rompe testículo de companheiro em treino nos EUA

John Kavanagh, técnico principal de McGregor, revelou que adoraria ver a revanche de May-Mac dentro do octógono. E, com tamanha confiança em seu pupilo, o treinador sugeriu que o campeão do UFC faça ‘outra luta de verdade’ em seguida.

‘Vamos ser realistas. Se esta luta fosse acontecer, eu estaria quase incentivando Conor a dizer, ‘Vamos marcar esta duas ou três semanas antes de uma luta de verdade'”, afirmou .Kavanagh. “Acho que é uma daquelas que poderíamos encaixar no meio da preparação para uma luta. Se fosse acontecer, não é o tipo de luta que Conor teria de fazer 12 semanas de trabalho específico… Você poderia fazer esta luta e encaixar na noite da sua luta de verdade, completou.

Apesar de colocar a possível revanche contra Mayweather no UFC como uma luta fácil, o treinador não gostaria de ver o irlandês tentando nocautear o rival. Segundo ele, McGregor usaria o jogo de solo – a principal deficiência do irlandês no MMA – para vencer a disputa.

“Podemos entrar lá e eu insistiria para que Conor derrubasse com um double leg logo no início, porque eu ficaria irritado se ele tentasse nocauteá-lo rápido com trocação de MMA. Nós precisamos ver jiu-jítsu nessa luta. Ele precisa estar na montada e dar uns tapas nele (Mayweather) um pouco. Então seria, acho, uma luta tão direta e fácil que poderíamos treinar realisticamente para ela e aí fazer uma luta competitiva de MMA no final do camp”, completou.

 

Notícias relacionadas