Cris Cyborg garante que finalizaria Floyd Mayweather nas regras do MMA

Com rumores do possível contrato com o UFC, até mesmo Cris Cyborg gostaria de dar boas-vindas a Mayweather

Campeã do UFC, Cyborg / Reprodução Twitter

Multicampeão no Boxe, Floyd Mayweather precisará trabalhar bastante para atingir o mesmo respeito no MMA. Após pendurar as luvas da nobre-arte invicto, ‘Money’ não nega os rumores de que negocia contrato com o UFC. Porém até mesmo a brasileira Cris Cyborg, campeã peso pena (até 66 kg.) feminino da organização, revelou que poderia finalizar o norte-americano no octógono. 

Veja Também

Jon Jones e Miesha Tate discutem após julgamento de meio-pesado
Cat Zingano garante estar 100% para enfrentar Ketlen Vieira no UFC 222

“Eu usaria meu grappling e a primeira coisa seria tentar derrubar ele. Se eu lutasse boxe com ele seria maluca, mas no MMA eu tentaria derrubar. Não desafiaria meu boxe contra ele”, ainda completou, “eu sei [que finalizaria]”, afirmou Cris, em entrevista ao site-norte-americano ‘TMZ’.

Cyborg, ainda deu sua opinião sobre uma possível desistência da aposentadoria do pugilista para lutar no MMA. Mayweather conta com um cartel de 50 vitórias e nenhuma derrota no boxe. Os rumores começaram a partir de uma possível negociação entre Floyd e o irlandês Conor McGregor.

“Todos pensam sobre dinheiro e show. Mas não acho que seria uma redenção para ele, seria difícil. Ele estaria em outra área. Teria que manter distância para não derrubarem ele. Mass se acontecer, seria épico”, concluiu.

Mayweather

Floyd Mayweather construiu a carreira mais vitoriosa da história do boxe. O lutador, de 40 anos, foi 12 vezes campeão mundial de boxe em cinco categorias diferentes. Floyd encerrou sua carreira com incríveis 50 vitórias em 50 lutas. Em sua última apresentação, ele derrotou Conor McGregor na superluta de Boxe x MMA, em agosto do ano passado. Agora, o irlandês espera ter a revanche com ‘Money’ em sua modalidade.

Já Cyborg volta ao octógono no UFC 222 que acontece no próximo sábado, dia 3 de março, na cidade de Las Vegas. Ela irá colocar seu cinturão em jogo contra a russa Yana Kunitskaya.

Notícias relacionadas