Treinador de McGregor diz que aposentadoria dependerá dos ‘adversários à disposição’

Owen Roddy garantiu que nesta fase da carreira o irlandês está focado no legado que deixará ao MMA

C. McGregor é o maior nome do UFC na atualidade. Foto: Reprodução/Facebook Conor McGregor

Em 10 anos de carreira, Conor McGregor tornou-se um dos maiores lutadores da história do UFC após ser o primeiro atleta a conquistar dois cinturões (penas e leves) de forma simultânea. Além disso, o irlandês fez fortuna ao realizar grandes disputas no octógono e também enfrentar Floyd Mayweather em uma luta de boxe. Depois de tantas conquistas, rumores de uma possível aposentadoria começaram a ser difundidos. Em entrevista ao podcast “Eurobash” o treinador de ‘Notorious’, Owen Roddy afirmou que a decisão de pendurar as lutas dependerá dos desafios serão oferecidos pela organização.

Veja Também

Dana White considera McGregor ‘um dos lutadores mais subestimados do UFC’
Presidente do UFC compara McGregor com Ali e Tyson

“É o que eu sempre digo para Conor: depende das lutas que estão à disposição. Se houver uma próxima superluta e ele sentir que se divertiria fazendo, ele fará. Se os fãs quiserem, e coisas assim, Conor aceitará. A verdade é que ninguém sabe o que vai acontecer”, disse Roddy.

O treinador de McGregor acredita que o confronto entre os arquirrivais no UFC 229 em outubro será a maior luta de todos os tempos no MMA. “Essa luta, contra Khabib Nurmagomedov, é potencialmente a maior luta de todos os tempos. Vamos encará-la e, depois, ele estará na próxima maior luta de todos os tempos também”, explicou Owen.

Roddy afirmou que mentalidade de Conor não mudou em nenhum momento. Ele deixou claro que estava expressando apenas a sua opinião sobre o futuro do irlandês.

“Não sei… acho que ele não vai se aposentar. Não consigo prever o futuro para saber o que vai acontecer, mas posso dizer que a mentalidade de Conor é a mesma de sempre. Não mudou em nada”, concluiu.

Conor McGregor tem um histórico no MMA de 21 vitórias e apenas três derrotas. O irlandês fará sua próxima luta no UFC 229, dia 6 de outubro, quando encara o russo Khabib Nurmagomedov, pelo cinturão dos leves.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments