Cara de Sapato deve voltar a lutar em 2019

O brasileiro deve ficar fora do octógono ao menos seis meses após cirurgia para curar a contusão no peito que o tirou do UFC São Paulo

A. Júnior deve retornar em março de 2019. Foto: Reprodução/Instagram @caradesapatojr

Vivendo a melhor fase da carreira, Antônio Cara de Sapato Júnior terá que interromper uma sequência de cinco vitórias em dois anos. Uma vez que o brasileiro terá que passar por uma cirurgia para curar a contusão no peito que o tirou do UFC São Paulo e 231. Em entrevista ao site “Ag Fight”, o paraibano revelou que ficará ao menos seis meses de recuperação e deve voltar em março de 2019 ao octógono.

Veja Também

Cara de Sapato se lesiona e está fora de luta contra Theodorou no UFC São Paulo
Lesão tira Cara de Sapato de confronto contra Theodorou no UFC 231

“Não, este ano é impossível realmente que eu faça alguma luta. A gente espera que eu possa estar lutando, sendo positivo, acho que dentro de seis meses a gente consegue lutar. Depois de umas quatro, seis semanas, ele [médico] falou que eu já começo a fazer fisioterapia, começo a fazer alguns movimentos”, explicou o lutador.

Inicialmente, Cara de Sapato havia anunciado sua saída do card do UFC São Paulo devido a uma lesão simples no peito. Por isso, o Ultimate remarcou seu confronto contra Elias Theodorou para o UFC 231 em Toronto (CAN). No entanto, o brasileiro se surpreendeu ao saber que precisava de uma cirurgia.

“Eu soube [que precisaria fazer cirurgia] na quinta-feira passada (13). Como eu não estava recuperando, eu liguei para o médico, e ele pediu uma ressonância, que a gente ainda não tinha feito. Até porque pelos testes manuais, pelos processos manuais que ele fez, ele achava que não seria nada muito grave, só um estiramento ou algo do tipo. Só que estava se prolongando por muito tempo já, e isso estava me incomodando, e não melhorava”, relatou o atleta.

O peso médio passará por uma reconstrução cirúrgica do tendão do músculo peitoral, dia 22 de setembro no Brasil. Cara de Sapato admitiu que ficou frustrado por ter que ficar fora tanto tempo. Mesmo assim, ele prometeu se esforçar para retornar ao octógono o quanto antes.

“Sem dúvida nenhuma você ficar parado é prejudicial, é chato, é ruim, você não luta, perde um pouco o ritmo. Mas eu espero fazer isso da maneira mais tranquila, que possa ser da forma mais rápida possível, quero voltar logo então vou me dedicar o máximo que der nessa parte da recuperação. E poxa, é melhor [ficar afastado] vindo de cinco vitórias do que vindo de cinco derrotas né?”, disse Antônio.

O brasileiro ocupa a 11ª posição no ranking dos médios do UFC. Aos 28 anos, Cara de Sapato tem em sua carreira 12 confrontos, sendo 10 triunfos e dois revezes. Seu último compromisso foi no UFC Glandele em abril deste ano. O paraibano venceu Tim Boetsch com uma finalização (Rear-Naked Estrangulamento) no primeiro round.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário