Ex-atleta da NFL acusado de violência doméstica retorna ao cage

Após estrear no Contender Series, Greg Hardy fará sua quarta luta como profissional no Island Fights, dia 21 de dezembro na Flórida (EUA)

G. Hardy se mantém invicto após três combates como profissional. Foto: Reprodução/Intagram @greghardyjr

Greg Hardy foi acusado de violência doméstica por sua namorada em 2014 e foi preso por posse de cocaína em 2016. Buscando a redenção, o atleta deixou o futebol americano e apostou no MMA profissional. Em 2018, o peso pesado fez sua estreia no Contender Series, onde impressionou presidente do UFC, Dana White ao nocautear Austen Lane e Tebaris Gordon em menos de 60 segundos. O ex-jogador da NFL tem seu retorno ao cage confirmado no Island Fights, dia 21 de dezembro na Flórida (EUA).

Veja Também

Ex-jogador do Dallas Cowboys troca o futebol americano pelo MMA
Vídeo: Com nocaute relâmpago, Greg Hardy chama a atenção do UFC

O adversário de Hardy para o card do Island Fights 51 ainda não foi confirmado. As informações são do site norte-americano MMA Fighting.

O futuro rival de Greg deve estar preparado para os golpes contundentes que levam seus oponentes ao nocaute. Em três lutas como profissional, Hardy finalizou todos os combates com o adversário ‘apagado’ em menos de 60 segundos.

Em seu último compromisso, Greg Hardy precisou de 53 segundos para nocautear Rasheem Jones no Xtreme Fight 352, dia 29 de setembro.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments