Hendricks garante que experiência no boxe pode ajudá-lo em retorno ao MMA

Mesmo após anunciar aposentadoria, o lutador não conseguiu ficar muito tempo longe dos ringues e vai lutar na Federação Mundial de Combate Bareknuckle em novembro

J. Hendricks anunciou aposentadoria no início do ano. Foto: Reprodução/Instagram @jonnyhendricks

No início deste ano, Johny Hendricks anunciou sua aposentadoria do MMA. No entanto, o período em que se manteve afastado dos ringues foi curto. O ex-campeão dos meio-médios está se preparando para sua primeira luta no boxe sem luvas na Federação Mundial de Combate Bareknuckle (WBKFF). Ele vai enfrentar o ex-Bellator, Brennan Ward, dia 9 de novembro. Em entrevista ao site norte-americano MMAjunkie, ‘Bigg Rigg’ revelou que seu treinamento no boxe pode ajudá-lo em um possível retorno ao MMA.

Veja Também

Johny Hendricks anuncia aposentadoria do MMA
Ex-campeão meio-médio, Johny Hendricks explica a decisão de se aposentar

“Eu sempre quis tentar o boxe. É apenas uma daquelas coisas que soa muito divertido. Tudo o que tenho que fazer é trabalhar nas minhas mãos. E se eu voltar ao mundo do MMA, pense em como minhas mãos serão melhores”, confidenciou Jonny.

Ao anunciar que ‘penduraria as luvas’, Hendricks admitiu que estava decido em não voltar ao MMA. Devido ao interesse dos eventos, ele reconheceu que está pensando em retornar ao cage. “Vou contar a verdade sincera de Deus: eu acabei. Eu não queria fazer isso, mas [meu empresário] Jason [House], ele me ligou e disse que esses caras estão interessados”, concluiu o ex-campeão dos meio-médios.

Com uma carreira de 10 anos no MMA profissional, Hendricks tem 26 combates, com 18 triunfos e oito reveses. Jonny conquistou o cinturão sobre Robbie Lawler no UFC 171, em março de 2014. Seu reinado durou oito meses e 20 dias até a revanche contra ‘Ruthless’ no UFC 181 em dezembro de 2014.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário