Lewis dispara contra Cormier: ‘Ele está com medo de enfrentar Jones’

Em entrevista após o treino aberto Lewis afirmou que Cormier espera uma luta fácil no UFC 230 e o acusou de fugir de novo encontro com ‘Bones’

D. Lewis vem de três triunfos no UFC. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

Derrick Lewis fará o maior confronto de sua carreira na luta principal do UFC 230 neste sábado (03) no Madison Square Garden, em Nova York (EUA). ‘Black Beast’ vai enfrentar Daniel Cormier pelo título dos pesos pesados. O confronto entre os lutadores foi confirmado no início de outubro quando faltava um mês para o evento. Em coletiva de imprensa após o treino aberto, o desafiante acusou ‘DC’ de aceitar o combate com ele por medo de encarar seu arquirrival, Jon Jones.

Veja Também

Cormier dispara contra Lewis: ‘terá que me nocautear para vencer’
Lewis garante estar preparado para encarar Cormier no UFC 230

“A razão pela qual ele vai lutar comigo, é porque Jon Jones já vai lutar em dezembro, e ele não queria lutar até janeiro. E a mídia toda falava que o Cormier não lutaria pelo cinturão dos meio-pesados, que ele estava basicamente com medo de enfrentar Jones agora. Então ele achou que seria perfeito lutar com um cara como eu, sem muitas habilidades. Acho que ele está com medo de enfrentar Jones, o cara bateu nele duas vezes”, disparou Lewis.

‘Black Beast’ vem de uma vitória sobre Alexander Volkov no UFC 229 no dia de 6 de outubro. O lutador foi massacrado em todo o confronto, mas conseguiu um nocaute ao fim do terceiro round. Mesmo com a grande atuação, Lewis afirmou que foi surpreendido com o chamado da organização para disputar o cinturão.

“Sim, é meio louco que isso esteja acontecendo (lutar pelo cinturão 28 dias após uma luta). Mas vejo como mais uma luta. Não sou um artista marcial, sei que vocês (da imprensa) não esperam que eu venha aqui e tente fazer umas finalizações malucas, ser muito técnico. Vocês terão o que vocês têm visto, vou lutar com todo meu coração”, admitiu o lutador.

Lewis admitiu ter aceito o confronto com menos de um mês de antecedência devido ao valor da bolsa oferecida pelo UFC. Segundo o lutador o combate lhe renderá mais do que ganhou durante todo o ano. Derrick realizou três lutas em 2018: Volkov, Francis Ngannou e Marcin Tybura.

Derrick vive uma boa fase na organização, em 10 lutas foram nove triunfos. Lewis tem 26 confrontos na carreira, sendo 21 vitórias e cinco reveses. ‘Black Beast’ enfrentou atletas tarimbados como: Gabriel Napão, Roy Nelson, Travis Browne e Francis Ngannou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments