Adesanya quer disputar o cinturão dos médios se vencer Brunson no UFC 230

Israel acredita que após vitória sobre Derek vai encarar na próxima luta Robert Whittaker pelo título da divisão: ‘Meu próximo passo é olhar para o cinturão’

I. Adesanya se mantém invicto após 14 duelos na carreira. Foto: Reprodução/Instagram @stylebender

Israel Adesanya é uma das promessas do Ultimate nos pesos médios. Em três combates na franquia foram três vitórias e dois bônus de ‘Performance da noite’. Neste sábado (03) o nigeriano vai ter pela frente Derek Brunson no card principal do UFC 230 no Madison Square Garden, em Nova York (EUA). Durante o Media Day do evento ‘Last Stylebender’ determinou que se vencer o norte-americano seu próximo confronto será pelo título da categoria.

Veja Também

Israel Adesanya enfrenta Derek Brunson no UFC 230
Fã declarado de Anderson, Adesanya quer luta contra Spider: ‘Prometo não derrubar’

“Eu só preciso desta vitória e aí já lutarei pelo título na próxima. Estou pronto. Estamos sempre em um torneio. Meu próximo passo, depois dessa vitória, é olhar para o cinturão. Veja bem, eles precisam de sangue novo, novas caras e eu sou esse sangue novo, sou essa novidade na categoria. Tenho a juventude e sou abençoado por isso”, falou Adesanya.

O peso médio declarou que vencerá Brunson com facilidade no octógono do Madison Square Garden. Ele ainda cravou que vai conquistar mais um bônus do Ultimate.

“Eu certamente ire nocauteá-lo. Ele na verdade é um veterano, está neste negócio há um tempo. Mas essa luta não vai ser nem um passeio no parque. Vai ser talvez, um passeio no jardim. E ganharei um bônus, mais um bônus. Vai ser o meu terceiro nesta companhia. Brunson é experiente, essa é a contribuição que ele dá ao UFC, mas ele vai errar algum golpe e ele só precisa errar um golpe contra mim. Estarei pronto”, disse Israel.

Israel Adesanya ocupa a nona colocação no ranking dos pesos médios. Desde sua estreia na franquia o nigeriano soma três vitórias em três confrontos. Seu último combate foi contra Brad Tavares em julho deste ano no TUF 27 Finale. O lutador permanece invicto após 14 duelos em sua carreira profissional.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments