Chandella Powell confirma participação em filme erótico e pede desculpas aos fãs e a Zuffa

Chandella Powell em ação no Rio de Janeiro, na Barra da Tijuca,

A ring girl Chandella Powell foi demitida do UFC depois que a organização descobriu que a morena  havia feito participações em filmes eróticos com o  nome fictício de Mariah Ashton. A notícia, que ganhou enorme repercussão na última semana, foi confirmada por Chandella através de sua conta no Twitter. Em um depoimento, em tom de desabafo, a ring girl usou o microblog para lamentar o ocorrido e se diz arrependida por escolhas feitas em seu passado.

VEJA TAMBÉMChandella Powell é demitida do UFC por participação em filme erótico

“Quando você é jovem, muitas vezes não percebe que suas ações têm consequências. Eu tomei uma decisão errada cerca de dez anos atrás, mas você aprende com esses momentos”, disse Chandella. “Não há nada que eu possa fazer para mudar o passado, e acreditem, se pudesse, eu faria. Essa decisão não representa quem eu sou hoje. Tudo o que posso fazer agora é colocar o passado para trás e seguir em frente. Lamento desapontar meus fãs e minha família a Zuffa. Eu amo vocês”, disse a ring girl.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
Thor
Thor
8 anos atrás

Para uma categoria esportiva que luta contra o preconceito(de ser esporte violento), deram com essa atitude uma aula de preconceito.