Dana White deseja realizar lutas entre McGregor x Poirier e Khabib x Ferguson

O presidente do UFC quer que os pesos leves se enfrentem e os vencedores dos confrontos devem se encarar pelo título da categoria

Estes seriam os encontros ideais para D. White. Foto: Montagem SL/MMA Press

Khabib Nurmagomedov finalizou Conor McGregor na luta principal do UFC 229, dia 06 de outubro, em Las Vegas (EUA). Muito se foi especulado sobre o futuro dos protagonistas do confronto mais esperado de 2018. Entretanto, o destino os arquirrivais somente será decido após a audiência da Comissão Atlética de Nevada que vai julgar a participação dos lutadores na briga generalizada durante o evento.

Mesmo esperando veredicto, o presidente do UFC Dana White não escondeu o desejo de que McGregor faça uma revanche contra Dustin Poirier e Khabib enfrente Tony Ferguson. Ele afirmou que os vencedores dos combates mediriam forças pelo título dos pesos leves.

Veja Também

Comissão Atlética de Nevada prorroga suspensões de McGregor e Khabib até dezembro
Presidente do UFC afirma que foco de McGregor está na revanche com Khabib

“A luta que faz sentido agora (para McGregor) é provavelmente (contra) Poirier. E então Tony (Ferguson) recebe uma chance pelo título, e os dois vencedores lutam entre si. Mas eu não tenho certeza exatamente de uma data em que Conor lutaria ainda. Temos que passar primeiro por esta questão da Comissão Atlética do Estado de Nevada”, disse White em entrevista ao site norte-americano MMA Junkie.

Conor, Khabib e seus companheiros de equipe serão julgados pela Comissão Atlética de Nevada no dia 10 de dezembro. Os membros do comitê vão analisar suas atuações durante a briga generalizada após o fim da luta principal do UFC 229.

“Quem sabe o que esses caras vão levar de suspensões? Se fosse apenas uma multa, isso seria uma coisa. Eles estão definitivamente sob risco de serem suspensos. Não consigo ver um cenário em que eles não sejam suspensos. Então, não posso fazer nada”, explicou o presidente da franquia.

O pior panorama para o Ultimate seria se o campeão dos leves Khabib Nurmagomedov levasse uma suspensão superior a um ano. Um gancho tão grande deixaria o russo sem poder atuar até junho de 2019.

“Se for mais de um ano, isso não seria justo. A coisa toda acabou em 40 segundos. Ninguém foi tocado, ninguém se machucou. Nada aconteceu. Então, acho que a comissão tem que enviar uma mensagem, mas espero que não seja mais de um ano. Não acho que seria justo”, concluiu Dana.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário