Veterano do UFC quer voltar a lutar após passar por transplante de fígado

Tank Abbott passou por cirurgia e teria 'morrido' cinco vezes durante o procedimento médico. Mesmo assim, o ex-lutador revelou estar motivado para voltar a lutar

T. Abbott não luta desde 2013. Foto: Reprodução/Youtube thehannibaltv

David Abbott, mais conhecido como Tank, foi um dos principais lutadores do UFC durante sua criação e consolidação. Em entrevista ao site norte-americano Hannibal TV, o veterano contou que passou por uma cirurgia de transplante de fígado e durante o procedimento teria ‘morrido’ cinco vezes.

Veja Também

Ultimate anuncia cancelamento do UFC 233
UFC negocia confronto entre Jose Aldo e Renato Moicano para Fortaleza

“Estou pagando o preço da vida selvagem que levei. Acabei com o meu fígado e tive que passar por um transplante, mas vamos em frente. Tive muitas complicações durante a cirurgia e morri cinco vezes na mesa de operação e sofri pelo menos seis derrames, mas ainda estou aqui. Fiz a luta mais dura da minha vida e superei tudo isso. Venci”, explicou Tank.

Mesmo com os problemas de saúde, Abbott afirmou que está motivado para voltar a lutar.

“Foram 107 dias internado. Estava ansioso para dar essa entrevista porque estou motivado a fazer o que mais amo, a minha paixão, que é lutar”, concluiu David.

Tank Abbott lutou pelo UFC entre 1995 e 2003 e disputou 18 lutas, com oito vitórias e dez derrotas. David enfrentou nomes como Oleg Taktarov, Dan Severn, Pedro Rizzo e Vitor Belfort, Don Frye e Frank Mir, e outros. Seu último compromisso foi em abril de 2013 no KOTC Fighting Legends. O veterano foi nocauteado por Ruben Villareal a 2m06s do segundo round.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário